Festejo

Pelo 7º ano, Carlesse e primeira-dama andam 24 km a pé com romeiros do Senhor do Bonfim

Governador percorreu todo o Santuário, conversou com populares devotos e religiosos.

Por Redação 2.077
Comentários (0)

15/08/2019 14h54 - Atualizado há 2 anos
Carlesse (dir.) e a primeira-dama (esq.)

O governador do Tocantins, Mauro Carlesse, e a primeira-dama, Fernanda Carlesse, juntaram-se a milhares de romeiros nesta quinta-feira (15) no Santuário do Senhor do Bonfim, em Natividade, cidade onde acontece há décadas a maior romaria do Estado.

Carlesse percorreu todo o Santuário, conversou com populares devotos e religiosos e, na igreja do Senhor do Bonfim, recolheu-se para um momento de oração. 

"É o momento que deixamos de lado todos os nossos compromissos diários para renovarmos a nossa fé em Deus, agradecer tudo que Ele proporcionou de bom em nossas vidas. Também é o momento de pedir proteção e sabedoria para superar os desafios do dia a dia e, assim, dar resposta às demandas do povo do nosso Estado", ressaltou o governador.  

Este é o sétimo ano consecutivo que Mauro Carlesse e a primeira-dama participam da romaria do Senhor do Bonfim. Na noite desta quarta-feira (14), eles percorreram a pé o trecho de cerca de 24 km entre Natividade e o Santuário.

As romarias do Senhor do Bonfim constituem as maiores e mais importantes manifestações culturais do Estado. A mais conhecida é a de Natividade, que atrai, anualmente, em agosto, milhares de fiéis do Tocantins e de outros Estados. Os devotos rezam e pagam promessas por graças alcançadas e atribuídas ao Senhor do Bonfim. 

Programação

A programação, que segue até este sábado (17), com a Missa dos Romeiros, envolve missas, novena, festas, caminhada penitencial, batizados e homenagens ao Senhor do Bonfim.

O festejo de Natividade já é realizado há mais de dois séculos e deu origem à primeira igreja construída no povoado do Senhor do Bonfim, em 1750. De acordo com a tradição local, um vaqueiro teria encontrado uma imagem do Senhor do Bonfim em cima de um toco de árvore e, após levá-la para Natividade, a imagem voltou a aparecer inexplicavelmente em Bonfim. Daí os devotos começaram a seguir a pé até o povoado.

Apoio

O festejo deste ano conta com o apoio do Governo do Estado aos romeiros. A Secretaria de Estado do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas) oferece suporte para descanso, cuidados com a saúde, água e alimentação aos romeiros. A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) conta com espaços e efetivos da Polícia Civil (delegado, escrivão e agente de polícia) com atuação diuturnamente durante todos os dias de festividades religiosas no Povoado do Bonfim.

Já o Corpo de Bombeiros Militar (CBM) possui 12 bombeiros atuando de forma preventiva e, caso haja necessidade de intervenção, os profissionais estão prontos para operações de resgate e combate a incêndios.

Conforme a Polícia Militar (PM), cerca de 150 policiais foram mobilizados exclusivamente para reforçar o policiamento no povoado do Bonfim (Natividade, Tabocão e Araguacema), além do efetivo ordinário que também é empregado.

As equipes especializadas do BPChoque (Giro, GOC e Rotam), do Batalhão de Polícia Militar Rodoviário e de Divisas (BPMRED) e do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) também estão empregadas na operação. 

O Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) realiza patrulhamento aéreo com helicóptero na cidade de Natividade, no povoado do Bonfim e na via dos romeiros, onde a concentração de romeiros é a maior.

Além do policiamento a pé e motorizado, há ainda o posto fixo de atendimento, as bases móveis e um micro-ônibus com a central de videomonitoramento.

Governador conversou com romeiros
Este é o sétimo ano consecutivo que o governador participa do festejo
Carlesse também se recolheu para oração

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.