Transparência

Portaria do TCE/TO cria regra obrigatória sobre recursos do pré-sal; serão mais de R$ 139 milhões

O objetivo é facilitar a fiscalização da aplicação dessa verba.

Por Redação 595
Comentários (0)

15/12/2019 09h48 - Atualizado há 1 mês
Portaria é assinada pelo presidente do TCE/TO

O Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO) determinou que o Governo do Estado crie um código de fonte de recurso específico para identificar as receitas e despesas oriundas da cessão onerosa do bônus de assinatura do pré-Sal, conforme prevê a Lei 13.855/2019. O objetivo é facilitar a fiscalização da aplicação dessa verba.

A determinação consta na Portaria nº 928 assinada pelo conselheiro Severiano Costandrade, presidente da Corte de Contas. 

Na portaria, o TCE definiu o código de Fontes de Recursos nº 0101.00.000 como de uso obrigatório pelos municípios do Tocantins para identificar a receita do pré-sal. 

Como fica a divisão

O resultado do leilão de áreas de petróleo na Bacia de Santos/RJ terá sua arrecadação total partilhada entre União, Estados e Municípios, conforme o artigo 1º, da Lei nº 13.885/2019.

A União repassará do arrecadado 15% aos municípios, conforme os coeficientes do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e 15% aos Estados, segundo critérios do Fundo de Participação dos Estados (FPE).

O Tocantins deve receber cerca de R$ 139,1 milhões.

Confira abaixo a Portaria na íntegra:

PORTARIA Nº 928, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2019

O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO TOCANTINS, no uso das atribuições que lhe conferem os artigos 3 e 131, inciso I, da Lei 1.284, de 17 de dezembro de 2001, e

Considerando a Lei nº 13.885, de 17 de outubro de 2019, que estabelece critérios de distribuição dos valores arrecadados com os leilões dos volumes excedentes ao limite a que se refere o § 2º do art. 1º da Lei nº 12.276, de 30 de junho de 2010, e dá outras providências;

Considerando a Nota Técnica SEI nº 11490/2019/ME do Ministério da Economia que dispõe sobre Orientações do Registro da Receita oriunda da Cessão Onerosa do Bônus de Assinatura do Pré-Sal para Municípios e Estados,

RESOLVE:

Art. 1º Determinar que o Estado do Tocantins crie um código de Fonte de Recurso específico para identificar as Receitas e Despesas oriundas da Cessão Onerosa do Bônus de Assinatura do Pré-Sal.

Art. 2º Definir o código de Fonte de Recursos nº 0101.00.000 - Recursos de Cessão Onerosa, como de uso obrigatório pelos Municípios do Estado do Tocantins para identificar a Receita oriunda da Cessão Onerosa do Bônus de Assinatura do Pré-Sal.

Art. 3º Incluir no Ementário da Receita dos Municípios, como detalhamento da conta “Outras Transferências da União”, o código 1.7.1.8.99.1.1.07.00.0000 para identificar a Receita arrecada com a Cessão Onerosa do Bônus de Assinatura do Pré-Sal.

Art. 4° As alterações nas tabelas de Fontes de Recursos e do Ementário da Receita Orçamentária dos Municípios, aprovadas por esta Portaria, serão disponibilizadas no endereço eletrônico https://www.tce.to.gov.br/sistemas/ menu SICAP/Contábil.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

Conselheiro Severiano José Costandrade de Aguiar Presidente

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.