Unirg

Principal cidade no sudeste do Tocantins pode ganhar campus de faculdade de medicina

A equipe da universidade fará visita in loco para avaliar a viabilidade.

Por Redação 2.210
Comentários (0)

11/05/2021 08h14 - Atualizado há 1 mês
Dianópolis é a principal cidade no sudeste do Tocantins

Autoridades políticas das cidades de Dianópolis, Gurupi e a direção da UnirG se reuniram nessa segunda-feira (10) para discutir a possibilidade de implantação do curso de medicina na região sudeste do Tocantins. 

Ficou ajustado durante a reunião que a equipe da Unirg irá fazer os levantamentos necessários, um estudo de viabilidade e também visitas in loco. O prefeito de Dianópolis, José Salomão, garantiu que o município ajudará no que for possível para viabilizar a instalação do campus da Unirg. Uma ação que, segundo ele, será um divisor de águas em toda a região, pois atenderá também os municípios da região Oeste da Bahia.

Recentemente, a Unirg instalou um campus em Paraíso do Tocantins e já realizou o primeiro vestibular com 60 vagas para medicina. Um novo seletivo foi anunciado com mais 60 vagas para o segundo semestre.

“Podemos ter a UnirG em todas as regiões do estado, e Dianópolis é uma cidade estratégica. Cada passo dado rumo ao crescimento dessa Instituição, criada pelo meu pai Jacinto Nunes, alegra a todos. Essa é uma data histórica, e hoje foi dado o primeiro passo para o que pode vir a transformar a região sudeste”, ressaltou a prefeita de Gurupi Josi Nunes.    

O presidente da Fundação UnirG, Thiago Miranda, destacou que a implantação de um campus universitário gera ganhos para o município e para a comunidade. “O reflexo disso é visto não apenas na economia, mas também no alcance social da Universidade, tendo em vista que ela é pública e promove o desenvolvimento regional. A expansão da UnirG é resultado do amadurecimento institucional, e o reconhecimento dos demais gestores públicos sobre a importância dela para o Tocantins é motivo de grande orgulho para nós”, falou.

A Reitora da UnirG, Drª Sara Falcão, explicou os trâmites legais necessários para que seja realizado o estudo de viabilidade da implantação de um campus fora da cidade de Gurupi.  

“Nós ficamos felizes ao ver o interesse de cidades de diversas regiões do Estado em receber a UnirG. Após esse pedido oficial, iremos informar oficialmente o município de Dianópolis qual a estrutura física necessária para instalação de um campus. Havendo as condições adequadas para isso, é dado o início ao estudo de viabilidade de implantação e, em seguida, outros trâmites legais são necessários. É um processo rigoroso, mas estamos disponíveis para contribuir com o Município para ampliar o acesso ao Ensino Superior na região sudeste do Tocantins”, afirmou.

Ainda segundo a Reitora, nas próximas semanas a Comissão de Expansão da UnirG deverá visitar as cidades interessadas em receber um campus da UnirG. Esse ano já foram formalizadas solicitações das cidades de Alvorada, Pium, Formoso do Araguaia e Caseara.

Participaram do encontro a prefeita de Gurupi, Josi Nunes; o vice-prefeito Gleydson Nato; a reitora da UnirG, Drª Sara Falcão; o presidente da Fundação UnirG, Thiago Miranda; o presidente da Câmara Municipal de Gurupi, Rodrigo Maciel; o vereador de Gurupi Ronaldo Lira; o prefeito de Dianópolis José Salomão; o presidente da Câmara Municipal de Dianópolis Manin do Zorra; o deputado estadual Ricardo Ayres e vereadores de Dianópolis.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.