Atenção

TCE notifica governo por causa de estradas precárias e riscos de acidentes no Jalapão

Documento cita riscos de acidentes em pontos turísticos.

Por Conteúdo AF Notícias
Comentários (0)

14/08/2021 13h00 - Atualizado há 3 meses
O relatório alerta para risco de acidentes devido a deterioração de algumas estruturas de acesso

Um dos atrativos turísticos mais visitados do país atualmente, o Parque Estadual do Jalapão, enfrenta vários problemas que dificultam a visitação e colocam em risco a segurança de turistas.

As falhas foram apontadas em recomendação do Tribunal de Contas do Estado (TCE/TO) ao Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), órgão responsável pela fiscalização do local. 

Sinalização dos pontos turísticos

O conselheiro Wagner Praxedes, autor da recomendação, cobra a sinalização dos pontos turísticos. De acordo com o documento, é importante aumentar a sinalização dos atrativos, considerando a importância da indicação de direções e nomes dos locais nos idiomas português e inglês, considerando a constante presença de turistas estrangeiros no local.

Cobra também a presença de fiscais e servidores do Naturatins, a fim de orientar os visitantes na preservação do parque.

Falta de estrutura

A recomendação cita alguns dos principais pontos de visitação turística. Um deles é a Prainha do Rio Novo, onde a escada de acesso está em estado deteriorado, o que representa risco de sério acidente com visitantes.

Outro ponto citado é o acesso à cachoeira do Formiga. Por ser uma área privada, a recomendação sugere ao Naturatins que verifique a possibilidade de fazer gestão junto ao proprietário para que promova melhorias nas condições de acesso e atendimento ao público e cita que a escada que leva até o local também está deteriorada.

Desmatamento perto de cachoeira

Outra observação feita no documento é que há desmatamento de uma área muito próxima da cachoeira, que está sendo utilizada para camping. O TCE recomenda uma verificação para ver se a remoção da mata nativa não contrariou as normas ambientais.

Trecho em péssimas condições

Na Recomendação, o conselheiro enfatiza que “a região do Jalapão é visitada por pessoas de diversos estados brasileiros bem como por turistas do mundo inteiro. Assim, cabe ao setor público fazer a sua parte e manter o acesso viário com trafegabilidade regular. O trecho entre Ponte Alta e Mateiros, via Cachoeira da Velha, está em péssimas condições e, carece de manutenção permanente”, destaca o documento.

Wagner Praxedes reconhece que o poder público está presente no local, contudo, sugere a verificação da possibilidade de tornar essa presença ainda mais efetiva, permanente e atuante, "com ações de divulgação dos atrativos locais bem como de outros pontos turísticos localizados no Estado do Tocantins como um todo”, frisou.

"O alto fluxo de turistas do Brasil e do mundo na região, nos leva à conclusão que referida ação poderá fomentar ainda mais o turismo tocantinense, atraindo pessoas, gerando emprego e renda e ainda aumentado a arrecadação para o nosso Estado”, concluiu o conselheiro.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.