Saúde

Médica do HDO explica benefícios da endoscopia ginecológica para a saúde da mulher

A médica recebeu qualificação nacional na área.

Por Redação 1.111
Comentários (0)

20/01/2022 10h05 - Atualizado há 2 anos
Dra. Karla Mazzini, ginecologista e obstetra do Hospital Dom Orione

No Hospital Dom Orione, as pacientes que precisam de diagnóstico e tratamento das patologias dos órgãos reprodutivos contam com o serviço de endoscopia ginecológica. Os procedimentos englobam a videohisteroscopia diagnóstica e cirúrgica, e a videolaparoscopia. São técnicas minimamente invasivas para avaliar e tratar as alterações do útero, tubas uterinas e ovários.

Responsável pelo procedimento no Hospital Dom Orione, a ginecologista e obstetra Karla Mazzini Ribeiro explica que a endoscopia ginecológica possibilita que a mulher seja investigada e tratada com precisão, segurança e qualidade. “O tratamento de forma minimamente invasiva possibilita um retorno mais rápido às suas atividades habituais, além de minimizar as complicações do pós-operatório”.

A videohisteroscopia é um dos exames que fazem parte da endoscopia ginecológica. Ele tem como objetivo a avaliação da cavidade uterina trazendo o diagnóstico de patologias uterinas como miomas, pólipos, endometrite, câncer, entre outras. Também faz parte do serviço a videolaparoscopia ginecológica. Trata-se de um procedimento cirúrgico minimamente invasivo, feito por meio de duas ou três pequenas incisões na região abdominal, através das quais o cirurgião introduz as pinças cirúrgicas necessárias para a intervenção.

Dr. Karla explica que praticamente todas as cirurgias que eram feitas de forma aberta, agora podem ser feitas com técnicas minimamente invasivas. “A endoscopia ginecológica traz esse benefício da possibilidade da cura com menos invasão, menos agressão, e assim, um melhor e mais rápido tempo de recuperação”, destacou.

Certificação

No dia 17 de janeiro deste ano, foi publicado o resultado do concurso para obtenção do certificado de atuação na área de endoscopia ginecológica pela Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia - FEBRASGO. Com a certificação, emitida pela Associação Médica Brasileira (AMB), a Dra. Karla Mazzini passa a fazer parte do seleto grupo de especialistas com área de atuação em cirurgias ginecológicas minimamente invasivas.

(Por Rodrigo Martins / Ascom Hospital Dom Orione)

Procedimentos minimamente invasivos possibilitam diagnóstico e tratamento com precisão, segurança e qualidade.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.