Delegado da Polícia Civil atira em sargento da PM em bar na zona sul de Palmas

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O Delegado teria disparado após o Sgt. ter sacado a arma

Nielcem Fernandes // AF Notícias

Na noite desta quinta-feira (26), um sargento da Polícia Militar do Tocantins foi baleado por um delegado da Polícia Civil durante uma abordagem de rotina na zona sul da Capital.

Segundo informações levantadas pelo AF Notícias, o Sargento Rodrigues, da Guarda do Quartel do Comando Geral, mais conhecido como Sgt. Chumbinho, estava em um bar quando foi abordado por uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoal (DHPP), chefiada pelo delegado Cassiano Oyama, que fazia diligências em busca de um suspeito.

O relato diz que o sargento estava ingerindo bebida alcoólica, com som alto e armado com uma pistola calibre 380 no momento da abordagem. O bar fica próximo ao 5º DP.

O delegado alega que pediu para baixar o volume do som e ao perceber que o homem estava armado, ordenou que colocasse a pistola no chão, mas ele não obedeceu. O militar também não se identificou e ainda teria sacado a arma. Em seguida, o delegado efetuou três disparos contra o policial, que foi atingido no braço, perna e abdômen.

Após a ação, a equipe da Polícia Civil verificou que se tratava de um sargento da PM. Rodrigues foi encaminhado ao Hospital Geral de Palmas onde passou por cirurgia, mas não resistiu. A morte dele foi confirmada na manhã desta sexta-feira (27).

Outro lado

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) lamentou a morte do sargento e declarou que vai ser instaurado um inquérito para investigação do ocorrido junto à Corregedoria-Geral.

A Polícia Militar ainda não se manifestou oficialmente sobre o caso. Não conseguimos contato com o Delegado Oyama.

Foto: Divulgação
O Sgt. teria sacado a pistola no momento da abordagem

Veja mais…

APRA quer prisão de policias civis que atiraram em sargento e ‘apuração rigorosa’

Comentários pelo Facebook: