Jornalista da Redesat vítima de grave acidente precisa de doações de sangue

Agnaldo Araujo - |
Foto: Reprodução Facebook
Alexandre ficou preso as ferragens e foi resgatado inconsciente

Nielcem Fernandes // AF Notícias

Amigos e familiares do jornalista Alexandre Alves, 32 anos, estão realizando uma campanha de doação de sangue com o intuito de ajudá-lo na recuperação de um grave acidente de trânsito sofrido na noite desse domingo (17), em Palmas. Alexandre trabalha desde 2016 na TV Palmas/Redesat.

Entenda

O jornalista e sua esposa, a servidora pública Cristiane Dalastra, tiveram o carro atingido por um ônibus coletivo em um cruzamento entre avenidas Teotônio Segurado e a LO 13 por volta das 19h30. Com o impacto da colisão, o veículo foi arrastado por cerca de 20 metros.

Segundo as informações do Samu, o jornalista ficou preso às ferragens e foi resgatado inconsciente. Após receber os primeiros socorros, Alexandre foi levado para o Hospital Geral de Palmas (HGP) e transferido ainda na madrugada dessa segunda-feira (18) para um hospital particular da capital. A esposa do jornalista foi socorrida consciente e encaminhada para o HGP, e posteriormente transferida para o mesmo hospital.

O pai do jornalista, José Alves Ribamar da Silva, disse à imprensa que o quadro de saúde do jornalista é delicado e que há suspeita que ele tenha uma perfuração no pulmão. “A situação é delicada e grave”, declarou. Alexandre segue internado na UTI em estado grave.

Quem puder doar qualquer tipo de sangue pode comparecer ao Hemocentro de Palmas, localizado na Av. NS-01, Lt. 01 – Centro, e informar o nome do jornalista Alexandre Alves da Silva.

Comentários pelo Facebook: