Presidente da FAET declara apoio aos caminhoneiros e critica aumento de impostos

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação/PRF
A manifestação afeta principalmente a BR-153 no Tocantins

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (Faet), Paulo Carneiro, manifestou apoiou aos caminhoneiros pelo movimento de redução da carga tributária que eleva o preço dos combustíveis e de todos os insumos do sistema produtivo.

O setor rural também sofre com os aumentos contínuos do preço dos combustíveis, que impactam diretamente os custos de produção e transportes. Essa situação prejudica a competitividade dos produtos brasileiros”, comentou.

A Faet reforçou que o aumento indiscriminado dos impostos representa uma ameaça à própria segurança alimentar da população, pois afeta diretamente a produção agropecuária, seu abastecimento e os preços finais aos consumidores.

Como representante da classe produtora do Estado do Tocantins, a Faet se solidarizou com todos os caminhoneiros do país.

Comentários pelo Facebook: