Suspeito de latrocínio contra gerente da Liliane é preso após dois roubos seguidos

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O suspeito foi preso no Pará e recambiado para Araguaína

Márcia Costa//AF Notícas

Um jovem de 21 anos suspeito de participar do latrocínio contra o gerente das Lojas Liliane, em Araguaína, foi preso na tarde desta segunda-feira (20), em São Geraldo do Araguaia (PA). Valdivino Moraes de Jesus era considerado foragido da justiça por romper a tornozeleira eletrônica.

A Polícia Militar informou que o foragido praticou dois assaltos em Xambioá (TO) antes de ser preso no Estado vizinho. No primeiro ele subtraiu uma motocicleta Honda Bros e chegou a disparar um tiro contra a vítima. O assaltante utilizou a motocicleta no segundo roubo, a um posto de combustíveis, de onde levou todo o dinheiro do caixa.

Depois dos assaltos, o criminoso embarcou numa voadeira e fugiu pelo Rio Araguaia para o Estado do Pará. Com diligências, a PM conseguiu localizar e capturar Valdivino. Com ele, foi encontrado o revólver utilizado na prática criminosa e todo o dinheiro subtraído do posto de combustíveis. A motocicleta roubada também foi recuperada.

O preso, a arma, o dinheiro e a moto foram conduzidos à delegacia de plantão de Araguaína para os procedimentos cabíveis.

O CASO

O gerente das Lojas Liliane, Adriano Inácio da Silva Monteiro, de 29 anos, morreu no hospital após ser baleado por um criminoso no seu local de trabalho durante um assalto em julho de 2016.

Imagens de câmeras de segurança próximas ao local mostram dois jovens se aproximando numa motocicleta. Um deles desce da garupa e vai em direção à loja, enquanto o comparsa fica aguardando na moto.

Em determinado momento, Adriano é abordado pelo assaltante e levanta as mãos pedindo que o bandido se acalmasse. Contudo, o criminoso efetuou um disparo no peito do gerente.

PRIMEIRO PRESO

Um adolescente de 15 anos foi preso cinco dias depois do crime, suspeito de ser o autor do disparo. À polícia, o menor disse que foi convidado pelo comparsa para realizar o assalto, mas não tinha intenção de matar o gerente.

LEIA MAIS

Assaltante armado invade lojas Liliani, rouba dinheiro e atira em gerente; vítima morre no Hospital Regional

Jovem acusado de matar gerente das lojas Liliani diz que foi “convidado” para praticar assalto

Comentários pelo Facebook: