Seet
Sobral – 300×100

Vereador Terciliano Gomes visita Universidade da Maturidade em Araguaína e reforça apoio

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação/ascom
Vereador Terciliano Gomes reafirmou apoio à UMA

O vereador Terciliano Gomes (SD) fez uma visita de cortesia à Universidade da Maturidade (UMA), que funciona na Universidade Federal do Tocantins, campus de Araguaína. Ele estava acompanhado do presidente da Câmara de Vereadores de Colmeia, José Wiston Gomes Siqueira, mais conhecido por Baixinho, que veio a Araguaína conhecer de perto a UMA.

Durante o encontro, Terciliano e Baixinho conversaram cerca de 40 minutos com os alunos da UMA. Os estudantes aproveitaram  para pedir aos dois parlamentares apoio na luta das causas da instituição. Terciliano disse que estava com saudade da Universidade da Maturidade, por isso resolveu visitar a entidade que conta hoje com cerca de 50 alunos matriculados. “É sempre bom vir aqui. É enriquecedor ver pessoas idosas e inteligentes debatendo o presente e o futuro da sociedade. É preciso que mudemos nosso comportamento e juntemos forças na luta das causas dos nossos idosos, dos deficientes físicos e de todas as minorias”, disse o vereador.

Já José Wiston fez questão de elogiar a iniciativa de Terciliano. “Parabenizo ao Terciliano pelo trabalho que desenvolve junto à Universidade, apoiando a instituição da melhor maneira possível”, afirmou. Ele também demonstrou interesse em levar para Colmeia uma extensão da UMA. “Essa será a nossa luta e o nosso desejo é levar para o nosso Município uma extensão da Universidade da Maturidade”, declarou.

Terciliano convidou os alunos da UMA para que visitem com mais frequência as sessões da Câmara de Vereadores de Araguaína. “Eles já foram lá algumas vezes reivindicar melhorias para a universidade. A participação da UMA é importante e espero que eles continuem participando dos debates que envolvem toda a sociedade araguainense”, finalizou.

Saiba mais

A Universidade  da Maturidade foi criada há dez anos em Palmas e há cinco foi implantada em Araguaína.  A instituição funciona na Universidade Federal do Tocantins- UFT. Para se inscrever na UMA, a pessoa deve ter a partir dos 45 anos de idade. Ao final do curso, que dura um ano e meio, o aluno recebe o título de Educador Político do Envelhecimento Humano.

Os estudantes têm aulas de filosofia, educação para a morte, andragogia, relação interpessoal, matemática financeira, psicopedagogia, física, arte, música, educação física, teatro, palestras e muito mais. As aulas acontecem às segundas e quintas – feiras, das 14h às 17h. Todos os professores são cedidos pelo Município.

Comentários pelo Facebook: