Diversão

Pacientes de comunidade terapêutica vão ao cinema pela primeira vez e ficam encantados

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

19/07/2017 08h44 - Atualizado há 2 meses
Márcia Costa//AF Notícias Para os homens acolhidos pela Comunidade Terapêutica Vida Nova, em Araguaína, a noite desta terça (18) foi marcada por muita emoção, pois tiveram o privilégio de ir ao cinema pela primeira vez para participar de uma sessão especial. A iniciativa de levá-los ao cinema partiu do vereador Wagner Enoque (PRB). O parlamentar busca motivar e levantar a autoestima dos acolhidos, que sonham com a ressocialização e inclusão social. Naioria dos acolhidos nunca tinha ido ao cinema e ficaram maravilhados. Eles tiveram a oportunidade de escolher o filme. Na tela do cinema, "O Homem Aranha - de volta ao lar" trouxe a mensagem de que é necessário lidar com as lutas diárias, combater o inimigo e nunca perder a força e habilidade. Eles aprenderam que no final o bem sempre vence, basta querer e acreditar. "Eu gostei muito do filme. É através dessas ações que tenho visto oportunidades e traçado novos objetivos. Foi uma programação diferente, divertida, além de todo um aprendizado por trás do filme. Por um momento esquecemos dos problemas. Hoje fomos ainda mais incentivados a não desistir e seguir em frente para vencer a batalha", disse o acolhido Fernando. "Essa é uma maneira de ressocialização, trazendo esses lutadores para uma realidade que muitas vezes é diferente daquilo que eles viviam. Muitos nunca tinham ido ao cinema ou nunca viram o outro ângulo da vida, a não ser o da drogadição e o mundo da criminalidade. É um incentivo a eles para que continuem o tratamento com uma programação diferente da rotina que estão acostumados", disse o diretor da Comunidade, Miqueias David. Comunidade Vida Nova A Comunidade Terapêutica Vida Nova tem a missão de recuperar usuários de drogas e dependentes do álcool. O local tem capacidade para 20 pessoas e a internação é voluntária. A comunidade tem parceria com o vereador Wagner Enoque e juntos realizam ações que buscam a ressocialização dos ex-dependentes químicos na sociedade, para que tenham uma vida digna.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.