Direto ao Ponto

Arnaldo Filho

redacao@afnoticias.com.br

ATO EM BRASÍLIA

Cinthia posta foto com 'Xandão' nas redes sociais e afirma: 'defensores da democracia se olhando'

Ela participou da cerimônia "Democracia Inabalada", realizada nesta segunda-feira (8).

Por Eduardo Azevedo 1.069
Comentários (0)

09/01/2024 08h47 - Atualizado há 3 meses
Cinthia ao lado do ministro Alexandre de Moraes; Prefeita postou registro em suas redes sociais

A prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro (PSDB), compartilhou uma foto em suas redes sociais ao lado do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, durante sua participação na cerimônia intitulada "Democracia Inabalada", ocorrida na tarde desta segunda-feira (8), em Brasília.

O evento reuniu as principais autoridades da República para relembrar um ano desde a tentativa fracassada de golpe de Estado, ocorrida em 8 de janeiro de 2023, quando um grupo extremista invadiu e danificou as sedes dos Três Poderes em Brasília.

“Três defensores da democracia se olhando. Selfie de hoje com [ministro] Alexandre de Moraes durante o evento Democracia Inabalada. Discursos impecáveis, momento histórico”, escreveu a prefeita na legenda da foto.

Nos comentários, muita gente gostou da foto. "Mais um lacre, prefeita? Eita como anda servindo no Twitter. Amamos ver!", disse um seguidor. No entanto, a postagem gerou críticas. "Parabéns, prefeita, a máscara caiu. Meu voto você não tem mais. Vergonha para o Tocantins", expressou uma internauta, recebendo prontamente uma resposta da gestora da capital: "Obrigada, de nada rsrsrs".

O evento

O evento que lembrou o ataque às instituições ocorreu no Salão Negro do Congresso Nacional, localizado entre os plenários da Câmara e do Senado. O ato reuniu cerca de 12 governadores, ministros e autoridades de todos dos Poderes, incluindo diplomatas estrangeiros. O governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa (REP), não participou do evento, pois está de repouso em casa por recomendação médica.

Além dos discursos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e dos demais chefes de Poderes, incluindo os presidentes do Senado, Rodrigo Pacheco, e do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, outras autoridades presentes reforçaram a importância da data.

“É um evento histórico porque mostra a força da democracia brasileira, das instituições, a união dos Poderes no cumprimento da Constituição”, destacou o vice-presidente Geraldo Alckmin.

“Acho que o ato de hoje foi altamente representativo, de todos os segmentos da política brasileira, dentro do governo, dos outros poderes, todos os dirigentes estavam aqui”, observou o ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino. Ele assumirá, nas próximas semanas, o cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF).

Ainda segundo Dino, a cerimônia é importante como plataforma de diálogo entre os poderes e com a sociedade, e mencionou a necessidade de regras eleitorais mais claras que previnam atos de violência decorrentes dos resultados das urnas.

Durante seu discurso, o ministro Alexandre de Moraes, do STF, já havia enfatizado que a “desinformação premeditada fraudulenta” ampliou discursos de ódio e antidemocráticos. Ele cobrou regulamentação das plataformas e redes sociais que moderam e disseminam conteúdo na internet.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.