Direto ao Ponto

Arnaldo Filho

redacao@afnoticias.com.br

Legislativo

Disputa pela presidência da Câmara Municipal movimenta bastidores da política em Palmas

Movimentação nos bastidores está em alta.

Por Conteúdo AF Notícias 1.558
Comentários (0)

12/12/2020 10h00 - Atualizado há 11 meses
Vários postulantes, uma só vaga; quem será o novo presidente da Câmara de Palmas?

Com eleições marcadas para o dia 1º de janeiro, as movimentações em torno dos nomes que concorrerão à presidência do Legislativo em Palmas estão a todo vapor. Segundo fontes ligadas ao Paço, pelo menos três vereadores reeleitos devem entrar na disputa: Rogério Freitas (MDB), o ex-presidente da Casa, José Lago Folha Filho (Patriota), e o atual, Marilon Barbosa (DEM).

Como vereador mais votado nas eleições de novembro, Marilon terá o direito de disputar novamente a presidência, pois se inicia uma nova legislatura em janeiro de 2021.

Marilon afirma ao AF Notícias que seu nome está à disposição e já trabalha nas articulações para presidir o Legislativo por mais dois anos. “Meu nome está à disposição e estou aqui para votar ou ser votado, se for preciso. Sou aberto ao diálogo e, pelo trabalho realizado aqui nesse parlamento, tenho todas as possibilidades de continuar por 2021 e 2022”, relata o vereador.

Os outros dois veteranos correm por fora, tentando angariar apoio em torno de suas candidaturas ou para compor a melhor estratégia para o trânsito na Casa.

No bloco dos novatos, três nomes surgem como opção: o de Pedro Cardoso (DEM), o da professora Janad Valcari (Podemos) e do ex-secretário de Turismo da capital, Eudes Assis (PSDB).

Pedro disse que pertence à base da prefeita e que, por enquanto, não é oficialmente candidato. Janad vai iniciar seu primeiro mandato e se coloca como renovação na Câmara, mas ainda não confirma a possível candidatura. "Bom saber que meu nome é indicado, mas não confirmo uma candidatura", diz a vereadora.  

Já o pastor e ex-secretário de Turismo do município, Eudes Assis, afirma que concorrerá ao cargo e garante estar preparado devido a sua experiência como gestor no Executivo.

Estou chegando agora, mas com a experiência que adquiri como secretário dessa gestão da Cinthia que está terminando. Quero sim ser presidente. A presidência da Casa é gestão, envolve o financeiro e a parte administrativa. Coloquei meu nome à disposição, porque me sinto seguro e já estou conversando com os companheiros na Casa”, afirma.

Fontes ligadas à gestão municipal afirmam que a preferência da prefeita seria pela candidatura de seu ex-secretário, porém, até o dia da posse, muita articulação deve acontecer nos bastidores.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.