Tocantins

Bebê que morreu com intestino perfurado pode ter sido estuprada pelo avô, dizem pais

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

03/07/2018 16h55 - Atualizado há 1 mês
Os pais da menina de 1 ano e 11 meses que morreu no Hospital Municipal de Colinas do Tocantins devido a um suposto estupro suspeitam que o avô paterno tenha praticado o crime. Segundo a ocorrência da Polícia Militar, a menina foi encaminhada ao hospital na noite dessa segunda-feira (02), mas morreu horas depois, na madrugada desta terça-feira (03). Ela estava com o intestino perfurado e hematomas nas partes íntimas. A família mora em Couto Magalhães. A Polícia Militar foi acionada por uma médica da unidade por volta da meia noite. A profissional relatou que a criança chegou ao hospital acompanhada dos pais e, ao examiná-la, verificou que ela estava com um sangramento na região anal e com um grande hematoma. Diante da situação, o Conselho Tutelar e o delegado de Polícia Civil foram acionados para tomarem as providências cabíveis ao caso. A PM disse que não confirmou a autoria do crime. A investigação está em sigilo.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.