Em flagrante

Criança de 6 anos lutou com estuprador para não ser violentada; idosa também foi atacada

Menina foi atacada pelo suspeito enquanto brincava com seus irmãos.

Por Redação 4.092
Comentários (0)

28/08/2020 08h21 - Atualizado há 6 meses
Lagoa da Confusão

Um homem suspeito de estuprar uma criança de 6 anos e uma idosa de 83 anos de idade foi preso em Lagoa da Confusão (TO), no fim da tarde desta quinta-feira (27). Ele estava sendo procurado pela polícia desde a quarta-feira (26).

Conforme a delegada Jeannie Daier de Andrade, a menina foi atacada pelo suspeito enquanto brincava com seus irmãos. Ela foi segurada pelo braço, colocada na bicicleta do estuprador e levada para uma casa abandonada.

Nessa ocasião, o homem de 41 anos tentou abusar da menina, mas não conseguiu, pois ela gritou por socorro e chamou a atenção de vizinhos.

Depois disso, o suspeito levou a criança para o mato e tentou violentá-la novamente. A criança conseguiu correr após arranhar o agressor, gritou por socorro e correu para sua casa assustada após se livrar do agressor. Uma mulher ouviu os gritos e acionou a polícia.

Câmeras de segurança

Segundo a polícia, imagens de câmeras de vigilância permitiram a identificação do suspeito e também mostram o momento em que o autor aperta a mão da menina no guidão da bicicleta.

Após localizarem a bicicleta utilizada pelo agressor, os policiais civis efetuaram a prisão do homem e também encontraram as luvas e roupas utilizadas no momento do crime.

Idosa de 83 anos

O mesmo homem é suspeito de outro estupro, ocorrido na terça-feira (25), contra uma idosa de 83 anos. A Polícia Civil acredita que outras vítimas se apresentarão para reconhecimento após a divulgação da prisão em flagrante do autor.

As investigações serão intensificadas para verificar a participação do autor em outros crimes. Ele foi recolhido na Casa de Prisão Provisória de Paraíso.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.