Filadélfia (TO)

Estudante de Direito é suspeito de aplicar golpes em idosos em Filadélfia e Goiatins

Por Redação AF
Comentários (0)

02/04/2018 18h49 - Atualizado há 1 mês
A Polícia Civil prendeu em flagrante nesta segunda-feira (02) na cidade de Filadélfia um jovem de 24 anos suspeito do crime de furto qualificado tentado. Anderson Campos do Nascimento é acadêmico de Direito e cursa o 2º período em uma faculdade particular de Araguaína. A polícia apreendeu com ele vários cartões bancários de terceiros, provavelmente furtados de pessoas idosas. Ele estava sendo monitorado desde a última quinta-feira (29) quando foi visto sacando dinheiro na agência do Bradesco na cidade. Anderson retornou nesta segunda para efetuar mais saques e acabou preso. Segundo a polícia, o suspeito foi reconhecido por uma vítima em Goiatins, onde ele teria se passado por funcionário da agência bancária auxiliando as vítimas a sacar dinheiro. A investigação apurou que Anderson trocava os cartões e memorizava as senhas para aplicar o golpe. Outras vítimas serão chamadas para reconhecimento do suspeito, quando será possível dimensionar os prejuízos. Segundo a polícia, idosos e pessoas com baixa escolaridade eram os principais alvos do suspeito. "Ele analisava as vítimas e escolhia as que tinham alguma dificuldade em utilizar o caixa eletrônico. Quando oferecia ajuda, pegava as senhas e trocava os cartões bancários", disse o delegado Anchieta. Várias denúncias chegaram à Polícia Civil desde a semana passada. O jovem também é suspeito de fazer empréstimos consignados com os cartões das vítimas. "Há muitas modalidades de empréstimos na própria boca do caixa, então não tem muita burocracia. Ele aproveitava, sacava o dinheiro e dava o golpe", explicou o delegado.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.