Corrupção passiva

Fiscal do Naturatins é preso ao receber propina para autorizar uso de poço artesiano

O servidor recebeu a quantia de R$ 6 mil da gerente do posto de combustível.

Por Márcia Costa 1.782
Comentários (0)

30/04/2019 23h55 - Atualizado há 1 mês

Um fiscal do Naturatins de 30 anos foi preso em flagrante pela Polícia Civil na tarde de terça-feira (30) pelo crime de corrupção passiva.

Segundo o delegado Rafael Falcão, da DEIC Sul, as investigações tiveram início quando o proprietário de um posto de combustíveis de Gurupi procurou a Delegacia de Repressão a Crimes de Maior Potencial contra a Administração Pública – DRACMA, em Palmas, e registrou um boletim de ocorrência informando que o fiscal estava exigindo dinheiro param fornecer autorização ambiental para utilização de um poço semi-artesiano que existe em sua propriedade.

A partir da denúncia, os policiais monitoraram o momento que o servidor público recebeu a quantia de R$ 6 mil da gerente do posto de combustível.

Em poder do fiscal foi encontrado a quantia de R$ 5 mil em espécie e processos de outros postos de combustíveis da cidade perante o Naturatins, havendo indícios de que o servidor estava exigindo vantagem indevida em outros estabelecimentos de Gurupi.

 “Diante dos fatos, o servidor foi conduzido à Central de Flagrantes de Gurupi e autuado pela prática de corrupção passiva”, afirmou o delegado.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.