Não resistiu

Funcionário de loja baleado no pescoço após assalto morre em hospital de Araguaína

Cleyton Júnior faleceu cinco dias após ser baleado.

Por Redação 4.947
Comentários (0)

17/01/2022 15h05 - Atualizado há 3 meses
Cleyton Júnior

O jovem Cleyton Júnior S. Santos, de 23 anos, que foi baleado no pescoço durante um assalto em uma loja em Araguaína, morreu no Hospital Regional da cidade na manhã desta segunda-feira (17) após cinco dias internado. Ele era funcionário da loja e deixa uma filha pequena.  

O roubo ocorreu na tarde de quarta-feira da semana passada, 12 de janeiro, em um estabelecimento localizado na Rua 12 do Setor Itapuã. Uma câmera de segurança registrou o momento da fuga dos assaltantes.

Segundo funcionários da loja, os dois bandidos estiveram na loja um dia antes para possivelmente observar a movimentação. Na tarde do roubo, eles se fingiram de clientes e anunciaram o assalto.

Na ação, a dupla subtraiu R$ 1,5 mil em espécie, além de mercadorias, corrente e uma pulseira de ouro de alto valor. Em seguida, pegaram a chave de uma motocicleta que pertence a uma funcionária da loja e tentaram fugir, mas não conseguiram ligar o veículo.

O proprietário da loja e Cleyton Júnior aproveitaram a oportunidade para reagir ao assalto e correram atrás dos bandidos. Contudo, houve troca de tiros já fora do estabelecimento e Cleyton acabou sendo baleado no pescoço.

Ainda não há informações oficiais sobre a identificação dos criminosos.

Vídeo

 

Fuga dos bandidos

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.