Estelionatários

Golpistas enganam universitários em Araguaína se passando por representantes da Editora Abril

Uma das vítimas dos estelionatários foi um estudante de psicologia de 21 anos.

Por Redação 624
Comentários (0)

04/11/2019 08h49 - Atualizado há 2 anos
Maquininha apreendia

Dois homens foram presos por aplicar golpes em universitários em Araguaína na noite da última sexta-feira, 1º de novembro. Eles são naturais do Ceará e Rio Grande do Norte e já tinha sido presos três dias antes pelo mesmo crime. Os suspeitos são Igor Whintaker de Souza e Rodrigo da Silva Vieira, de 34 e 35 anos.

Um estudante de psicologia de 21 anos caiu no golpe dos estelionatários. Ele relatou à Polícia Militar que os dois foram até a instituição de ensino, apresentaram-se como representantes da Editora Abril, mostraram um catálogo de revistas e livros relacionados ao curso que estavam vendendo em dez vezes de R$ 39,39.

Eles convenceram o jovem a passar seu cartão na maquininha primeiramente no valor R$ 199. Contudo, alegaram que houve falha na operação, passaram novamente o valor R$ 199,01 e informaram ao estudante que ele receberia as revistas assim que recebesse uma ligação e confirmação da autorização do pagamento.

O universitário também relatou que ficou confuso com a história, mas percebeu que se tratava de um golpe quando verificou sua conta bancária através do aplicativo do banco no celular e constatou que os dois valores tinham sido debitados.

Ele questionou a situação aos suspeitos, mas eles não souberam explicar, ludibriaram o estudante dizendo que iriam estornar o valor e fugiram do local.

A PM foi acionada e encontrou os estelionatários na rodoviária tentando embarcar em um ônibus. Um deles resistiu à prisão e os policiais usaram a força para imobilizá-lo. Os dois estavam com três máquinas de cartão e dois aparelhos celulares.

Enquanto a dupla era apresentada na delegacia de plantão, outra estudante de engenharia de produção, de 24 anos, apresentou-se informando que também tinha caído no mesmo golpe.

Ela disse que os mesmos homens realizaram três operações de crédito através do cartão dela nos valores de R$ 399, R$ 399,01 e R$ 399,03.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.