Foragido preso

Homem que esfaqueou irmão para defender cunhada de agressão é preso 24 anos após o crime

Suspeito teria efetuado vários golpes de faca contra o irmão.

Por Redação
Comentários (0)

23/05/2024 08h53 - Atualizado há 3 semanas
Homem foi preso após ação da Polícia Civil do Tocantins

Notícias do Tocantins -  Um homem de 46 anos, suspeito de tentativa de homicídio contra o próprio irmão, foi preso pela Polícia Civil na tarde desta quarta-feira (22/5), em Paraíso do Tocantins.

O delegado regional José Lucas Melo disse que o caso ocorreu em 2000, quando o irmão do suspeito tentou agredir a companheira. Na tentativa de contê-lo, o homem preso pegou uma faca e efetuou golpes contra ele. A vítima foi socorrida e só não morreu por causa da rápida intervenção médica. 

O sujeito, que era considerado foragido desde o ano de 2018, foi preso hoje no Setor Agroindustrial, após intenso trabalho investigativo das equipes da 61ª Delegacia e também de policiais civis da 6ª Delegacia de Atendimento a Mulher e Vulneráveis (6ª DEAMV), ambas sediadas em Paraíso. 

Conduzido até a sede da 9ª Central de Atendimento da PCTO, o foragido da Justiça foi submetido aos procedimentos legais cabíveis, encaminhado ao IML para a realização de exame cautelar de corpo de delito e, posteriormente, recolhido à Unidade Regional Penal, local onde permanecerá a posição do Poder Judiciário. 

De acordo com o delegado José Lucas Melo, titular da 5ª DRPC e autoridade policial plantonista, a prisão ocorreu através de compartilhamento de informações com a Polícia Federal do Estado do Pará.

“Mediante a troca de informações pelas equipes de investigação das duas instituições, hoje foi possível dar cumprimento à ordem judicial. Ato que novamente revela a importância da atuação em conjunto das forças de segurança, principalmente das polícias judiciárias”, disse o delegado regional.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.