Ofensas à honra

Kátia Abreu pede à PF que investigue posts difamatórios à sua honra nas redes sociais

Por Redação AF
Comentários (0)

07/11/2017 16h44 - Atualizado há 1 semana
Na última segunda-feira (6), a senadora Kátia Abreu protocolou na Polícia Federal três pedidos de instauração de inquérito para apurar crimes contra sua honra. Os pedidos foram recebidos pelo superintendente da Polícia Federal no Tocantins, Arcelino Vieira Damasceno. Tratam-se de vídeos e banner com conteúdos ofensivos que estão sendo divulgados nas redes sociais. O banner traz a mensagem de uma nota de pesar que comunica o falecimento da parlamentar. Esse material contém a logomarca da Assembleia Legislativa. Quanto aos vídeos, um utilizado na chamada da novela da Rede Globo (O Outro Lado do Paraíso) edições de falas da personagem Sophia (Marieta Severo) com ofensas à honra da senadora, assim como também a de seus filhos. Já o outro vídeo retrata o desmatamento de uma área supostamente de preservação ambiental, localizada no município de Formoso do Araguaia, à qual teria pertencido ao cantor sertanejo Leonardo que foi comprada por Kátia Abreu e estaria em nome de um “laranja”. Para a senadora o material divulgado é difamatório e calunioso. “É preciso investigar e punir o autor desse tipo de divulgação. Somente a punição pode inibir esse tipo de crime, tenho confiança que a Polícia Federal irar encontrar os criminosos”, disse a senadora.  

Comentários (0)

Mais Notícias

Região norte

Polícia Civil prende principal suspeito de matar idoso a facadas em Xambioá

O idoso foi morto no dia 21 de julho e o suspeito tinha fugido para a cidade de São Geraldo do Araguaia, no Pará.

Acidente fatal

Mulher morre em colisão entre motocicleta e carro no centro de Araguaína

O acidente ocorreu na esquina da Avenida Castelo Branco com a rua Rui Barbosa. A mulher morreu na hora.

Em Araguaína

Em vídeo, mulher desmente boato que viralizou nas redes sociais em Araguaína

Um áudio afirmava que a mulher simulava pedir esmola para dois homens armados assaltar os moradores.

Crime bárbaro

Acusado de matar homem e comer fígado assado é condenado a 12 anos em Palmas

O crime ocorreu em agosto de 2011, na Colônia de Pescadores do Setor Taquari, nas proximidades do Lago de Palmas.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.