Lagoa da Confusão

Morador de rua é suspeito de matar colega quatro dias depois de sair da prisão

Conforme a Polícia Civil, Lucilo Soares demonstrou total frieza ao narrar os fatos.

Por Redação 1.433
Comentários (0)

21/09/2018 16h53 - Atualizado há 5 anos
Lucilo Soares da Silva

Lucilo Soares da Silva foi preso, nesta sexta-feira (21), suspeito de matar um morador de rua a facada após uma discussão em Lagoa da Confusão, região oeste do Tocantins.

O crime ocorreu no dia 16 de setembro, na orla da cidade, e teve como vítima Gilmar da Silva Santos.

Conforme o delegado regional José Lucas Mello, o autor do homicídio é também morador de rua e confessou o crime durante depoimento. O suspeito disse que havia discutido com Gilmar no dia anterior.

Ele relatou também que esperou a vítima deitar em frente ao banheiro municipal e desferiu um único golpe de faca na região do pescoço.

Conforme a Polícia Civil, Lucilo Soares demonstrou total frieza ao narrar os fatos e não esboçou qualquer arrependimento pelo crime perante o delegado de polícia.

O suspeito havia saído da prisão no dia 12 de setembro, ou seja, quatro dias antes do crime, e ainda responde por furto em Lagoa da Confusão.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.