Tocantins

MPE vai investigar invasão de delegacia e suposta intimidação de militares a delegado

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

26/04/2017 07h55 - Atualizado há 2 meses
O Ministério Público Estadual (MPE) instaurou Inquérito Civil Público (ICP) para apurar eventual prática de ato de improbidade administrativa referente a suposta invasão, por parte de policiais militares, ao 2º Distrito da Policial Civil, em Paraíso do Tocantins. O objetivo é apurar se houve desvio de conduta ou falta funcional grave que tipifique ato de improbidade administrativa.

A portaria foi publicada pelo Grupo Especial de Controle Externo da Atividade Policial (Gecep), nesta segunda-feira, 24, após o acontecido no último dia 20 de abril, em que policiais adentraram o 2º Distrito Policial de Paraíso do Tocantins, a pretexto de apenas entregar um ofício ao delegado responsável por aquela unidade policial.

O ofício informava que os militares que foram intimados para depor não seriam apresentados, em razão de ausência de tempo hábil para composição de escala. O fato ocorreu logo depois da prisão temporária de dois policiais militares e de cumprimento de mandado de busca e apreensão na sede do 8º Batalhão da PM na cidade, que culminou na apreensão de drogas ilícitas e dinheiro falsificado, em operação policial.

Para os promotores, “mesmo na hipótese de inexistência de indícios da prática de coação no curso do processo, o fato carece ser cabalmente investigado, porquanto aparenta tratar-se de ação desarrazoada e injustificável que o 8º Batalhão de Polícia Militar da cidade tenha mobilizado praticamente todo o seu efetivo do dia, cerca de vinte homens fortemente armados, a bordo de quatro viaturas, com o propósito de protocolizar um simples ofício no 2º Distrito Policial de Paraíso”, frisaram.

Baseado nos fatos, o Gecep solicitou ao Comandante do 8º Batalhão de Polícia Militar que encaminhe, em 15 dias, a relação nominal de todos os militares escalados para o serviço de patrulhamento no dia 20 de abril de 2017 e a identificação das viaturas.

Também foi solicitada a relação nominal de todos os militares e viaturas estiveram no 2º Distrito Policial, no último dia 20, com o objetivo de protocolizar ofício ao delegado.

O delegado de polícia e todos os policiais civis que se encontravam presentes no momento da suposta invasão também devem ser ouvidos pelo Gecep. (Ascom/MPE)

Leia mais

http://afnoticias.com.br/cerca-de-20-pms-armados-com-fuzis-invadem-gabinete-de-delegado-que-investiga-militares-por-trafico-de-drogas/ http://afnoticias.com.br/cupula-das-policias-civil-e-militar-ameniza-clima-de-tensao-apos-invasao-de-delegacia-por-pms-armados-com-fuzis/

Comentários (0)

Mais Notícias

Furto

Paciente é preso após furtar cadeira de rodas de hospital e fugir no Tocantins

O mesmo homem foi flagrado há dois meses roubando uma TV no centro de Palmas.

Violência

Jovem ex-presidiário é executado a tiros na frente da namorada em Araguaína

Rafael Carvalho também tinha passagens pela polícia por porte ilegal de arma de fogo e receptação.

Tráfico de drogas

DENARC prende duas mulheres e encontra 30 kg de drogas a caminho de Araguaína

Suspeitas pretendiam se mudar para Araguaína, onde tinham a intenção de começar a venda de drogas.

Criminalidade

Jovem é executado a tiros enquanto conversava com amigos no Costa Esmeralda

O executor chegou a pé, sacou uma arma, efetuou vários tiros contra o jovem e fugiu.

Acidente de trabalho

Tratorista é esmagado por árvore enquanto trabalhava em fazenda no Tocantins

O corpo do tratorista ficou preso nas ferragens e só foi encontrado no final do dia.

Receptação

Casal é preso com vasilhas da Tupperware, TV, liquidificador e celular furtados

Marido e esposa contaram histórias diferentes sobre a bicicleta e foram autuados por receptação.

Aragominas

Jovem que degolou homem bêbado causava pânico no norte do Estado, diz polícia

A vítima foi assassinada na segunda-feira (12) após passar o final de semana ingerindo bebida alcoólica.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.