Sucupira do Tocantins

Prefeito é preso em flagrante no Tocantins acusado de peculato e transferência ilegal de eleitores

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

08/03/2016 10h39 - Atualizado há 1 semana
O prefeito de Sucupira (TO), Valdir Ribeiro de Castro (PTB), foi preso em flagrante quando estava utilizando o carro da prefeitura para transportar eleitores do município de Peixe para transferirem seus títulos eleitorais para votarem em Sucupira. A prisão ocorreu na tarde da última segunda-feira (07/03). A detenção do prefeito ocorreu após o Ministério Público Estadual (MPE) ter recebido a denúncia de utilização indevida de bem público e ter constatado a veracidade das informações. A Promotoria de Justiça de Peixe acionou, então as polícias militar e civil, que autuaram em flagrante o gestor por crime de peculato, que é quando servidor público comete ato contra a administração. De acordo com o Promotor de Justiça Mateus Ribeiro, Valdir se deslocou até a cidade de Peixe juntamente com outras três pessoas com a finalidade de ir até a zona eleitoral para transferir o domicílio eleitoral de duas delas. As informações foram confirmadas por servidor do cartório daquela cidade. De imediato, o Promotor de Justiça solicitou a presença da polícia no local que conduziu o prefeito e as outras pessoas até a delegacia, onde prestaram depoimento. De acordo com a assessoria de comunicação do MPE, apenas o prefeito ficou detido e passou a noite na delegacia. Ele pode responder pelo crime de peculado, ato de improbidade administrativa, além de crime eleitoral.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.