Latrocínio

Taxista é morto por falsos clientes e tem corpo jogado na TO-010; três pessoas são presas

Suspeitos estavam com drogas, armas e munições.

Por Redação 2.430
Comentários (0)

11/11/2020 10h06 - Atualizado há 1 ano
Crime teria sido praticado em Miranorte

A Polícia Militar prendeu em Palmas três pessoas suspeitas de latrocínio e ocultação de cadáver na madrugada desta terça-feira (10). A vítima é o taxista Francisco de Assis Inácio de Sousa, 54 anos.

O grupo teria praticado o crime no município de Miranorte, onde a vítima teve o veículo roubado. O taxista havia sido chamado para levar o grupo até Palmas, mas acabou sendo morto de forma covarde no km 23 da rodovia, após a cidade de Lajeado, quando um dos bandidos pediu para urinar.

Francisco de Assis morreu com disparos de arma de fogo e golpes de faca. O corpo do trabalhador foi localizado no meio do mato às margens da rodovia TO-010.

Conforme a PM, uma equipe da Força Tática se deslocou para as imediações do Setor Taquari, na capital, no intuito de localizar um automóvel Fiat Siena, de cor preta, que estava com vários suspeitos armados e supostamente trafegava com um corpo no porta-malas.

Na chegada, os militares visualizaram um veículo com as mesmas características e iniciaram a perseguição com os sinais sonoros e luminosos ligados.

O condutor do veículo desobedeceu a ordem de parada a todo tempo até que, em um certo ponto, o veículo parou bruscamente e os ocupantes desceram correndo do veículo e ainda efetuaram tiros contra os militares, seguindo em direção à mata.

Em seguida, a Força Tática conseguiu fazer a detenção de três suspeitos. Durante a busca pessoal e no veículo, foram localizadas várias porções de drogas, anotações do tráfico, uma espingarda de pressão que foi modificada para usar o calibre .22, seis munições intactas e uma deflagrada de mesmo calibre e dois aparelhos celulares de procedência duvidosa.

Já no interior do porta malas do veículo, os policiais perceberam algumas manchas de sangue do taxista.

Diante das afirmações, os militares realizaram diligências no local informado e localizaram um cadáver do sexo masculino. A polícia científica confirmou que o corpo é do taxista.

Os três envolvidos foram conduzidos à delegacia de plantão e autuados em flagrante por latrocínio e ocultação de cadáver.

Outros itens apreendidos com os suspeitos

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.