Nomeações

Cinthia nomeia esposa de vereador, acata várias indicações e apazigua ânimos em Palmas

A prefeita está buscando fortalecer as alianças e apaziguar os ânimos.

Por Conteúdo AF Notícias 1.981
Comentários (0)

17/04/2021 10h11 - Atualizado há 9 meses
Desde o início do mandato, a prefeita vinha sendo pressionada para 'dividir' os cargos em sua gestão

Após a aproximação política com o Governo do Estado e depois de uma queda de braço com a Câmara de Vereadores, a prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB) começou a distribuição de cargos dentro da sua gestão em Palmas em sinal de paz e consenso.

O Diário Oficial do Município, publicado nesta sexta-feira (16), trouxe algumas mudanças vistas como reflexo da nova 'gestão compartilhada' que a prefeita deve adotar a partir de agora.

Conforme apurado pelo AF Notícias, as mudanças no primeiro escalão atendem algumas demandas de vereadores a fim de apaziguar os ânimos no Legislativo Municipal.

Houve trocas nas secretarias de Assuntos Fundiários, Desenvolvimento Rural, Agência de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos e Secretaria Extraordinária de Assuntos Estratégicos, Captação de Recursos e Energias Sustentáveis.

PALÁCIO ARAGUAIA

A nomeação de Tiago Pereira Dourado na Secretaria Extraordinária de Assuntos Estratégicos, Captação de Recursos e Energias Sustentáveis reforça a tese de aproximação entre a prefeitura e o Palácio Araguaia. Ele é ex-secretário de Agricultura do Estado na gestão do Mauro Carlesse.

O ex-secretário executivo Marcelo Walace Lima é o novo titular da Agência de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos.

BASE

No lugar de Roberto Sahium, no Desenvolvimento Rural, a prefeita nomeou o ex-vereador Major Negreiros.

Também houve mudanças na Secretaria de Assuntos Fundiários. Sai o ex-deputado federal Darci Coelho e entra Fábio Barbosa Chaves, que estava na Agência de Regulação.

NOMES LIGADOS A VEREADORES

A esposa do ex-presidente da Câmara, Marilon Barbosa (DEM), Eleonice Lima Cardoso Costa foi nomeada como secretária executiva (DAS-1) da Fundação Cultural de Palmas. 

Já o novo secretário executivo de Regulação e Fiscalização, Alex Pereira Mascarenhas, seria uma indicação do vereador Moisemar Marinho (PDT), um dos parlamentares que estariam insatisfeitos com a ‘falta de espaço’ na administração tucana.

E por último, segundo fontes ligadas ao Paço, o novo secretário executivo da Casa Civil, Carlos Daniel Santos Cerqueira, seria ligado ao vereador Daniel Nascimento (Republicanos), que é do bloco de oposição à prefeita.

APAZIGOU

Com essas nomeações, Cinthia teria apaziguado os ânimos dos parlamentares, acabando com a mínima possibilidade de abertura de um processo de impeachment.   

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.