Afastada do cargo

Ex-prefeito e servidora que movimentou R$ 8,4 milhões viram réus por corrupção

Por Redação AF
Comentários (0)

26/06/2018 11h54 - Atualizado há 1 mês
O Poder Judiciário recebeu, nessa segunda-feira (25), uma denúncia criminal contra o ex-prefeito de Goiatins Vinícius Donnover Gomes e contra a ex-vereadora e oficiala de justiça Diana da Cruz Campos, tendo adotado a medida cautelar de afastamento da servidora temporariamente de suas funções, a fim de resguardar o bom andamento processual. Com o recebimento por parte da Justiça, a denúncia criminal apresentada pelo Ministério Público Estadual (MPE) é convertida em ação penal. O afastamento da servidora foi solicitado pelo Promotor de Justiça Paulo Alexandre Rodrigues de Siqueira e deve vigorar até que os réus sejam citados sobre o processo e apresentem respostas escritas ao Poder Judiciário, ocasião em que será reanalisada a necessidade de manutenção do distanciamento da servidora. Ao receber a denúncia, o juiz Luatom Bezerra Adelino de Lima especifica nominalmente uma servidora do cartório e um oficial de Justiça que devem ficar responsáveis por movimentar o processo e cumprir mandados. A denúncia Vinícius Donnover Gomes e Diana da Cruz Campos foram denunciados pelo MPE pelos crimes de associação criminosa, lavagem de dinheiro, corrupção ativa (ele) e corrupção passiva (ela). Eles teriam participado de um esquema criminoso na época em que Vinícius Donnover esteve à frente da prefeitura, entre os anos de 2012 e 2016.Nesse período, Diana movimentou em suas contas bancárias mais de R$ 8,4 milhões. Investigação da Polícia Federal auxiliada por escutas telefônicas autorizadas pela Justiça Federal apontam que o desvio dos cofres públicos municipais chegou a alcançar a cifra de R$ 10 milhões. As interceptações telefônicas também revelam que uma técnica de enfermagem foi designada pelo então prefeito para cuidar do pai de Diana da Cruz durante um final de semana na cidade de Araguaína, inclusive com diárias pagas pelo município de Goiatins. Em troca, a oficiala de justiça teria retardado o cumprimento de mandado de prisão em desfavor de Vinícius Donnover. Veja mais... http://afnoticias.com.br/mpe-denuncia-por-corrupcao-ex-prefeito-e-oficial-que-movimentou-r-84-milhoes/

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.