Santa Fé do Araguaia

Ex-prefeito Valtenis vai espontaneamente ao MP entregar documentos sobre investigação

O ex-prefeito disse que vai processar a ex-servidora por danos morais.   

Por Redação 533
Comentários (0)

15/06/2019 16h06 - Atualizado há 1 mês
Ex-prefeito entrega todos os documentos ao Ministério Público

O ex-prefeito de Santa Fé do Araguaia, Valtenis Lino compareceu espontaneamente ao Ministério Público do Tocantins para prestar esclarecimentos sobre uma investigação que apura a nomeação de uma lavradora durante a sua gestão, no período de 2006 a 2008. A mulher alega que não sabia que tinha sido nomeada.

O ex-prefeito tomou conhecimento da investigação através de reportagem publicada no AF Notícias e resolveu apresentar todos os documentos que, segundo ele, comprovam a legalidade da nomeação e total conhecimento por parte da pessoa nomeada.

Valtenis entregou à Promotoria de Justiça o ato de nomeação como assessora especial, cópia da Lei Complementar Municipal que criou o respectivo cargo e todos os contracheques dos salários pagos diretamente na conta bancária da servidora, 32 no total, além do termo de rescisão contratual com o Município.

O ex-prefeito explicou que a ex-servidora, conhecida como pastora França, tinha a função de coletar as demandas da comunidade rural no Assentamento Dalila e encaminhá-las ao prefeito.

Valtenis acredita que ela tenha sido induzida por um pretenso candidato a propor uma ação judicial contra o Município alegando que não sabia de sua nomeação com o objetivo de lhe prejudicar politicamente. Na ação, ela pede R$ 15 mil.  

Agora, o ex-prefeito disse que vai processar a ex-servidora por danos morais.   

Ato de nomeação da ex-servidora no cargo de assessora especial
Salário era pago diretamente na conta da servidora

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.