Intoxicação alimentar

Mãe e filha vão parar na UPA após comerem salgadinho vencido das Lojas Americanas

A mulher registrou um boletim de ocorrência e procurou a Vigilância Sanitária.

Por Márcia Costa 5.605
Comentários (0)

22/12/2020 09h45 - Atualizado há 1 ano
Vigilância Sanitária recolheu vários produtos vencidos

A autônoma Tatiane Soares Cardoso e sua filha de apenas 2 anos de idade foram parar na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com sintomas de intoxicação alimentar após comerem salgadinho vencido comprado nas Lojas Americanas, em Araguaína.

A Polícia Militar registrou a ocorrência, e a equipe da Vigilância Sanitária autuou o estabelecimento comercial por deixar produtos vencidos nas prateleiras.

Tatiane contou que tudo ocorreu no último domingo (20) quando ela ganhou ingressos para ir ao cinema com a filha, na galeria localizada na Marginal Neblina. Enquanto aguardava o início da sessão, Tatiane procurou algo para comer, mas a praça de alimentação estava fechada e encontrou aberta apenas as Lojas Americanas, então decidiu comprar dois pacotes de salgadinhos da marca Yoki.

“Como era de queijo, eu pensei que o cheiro forte fosse normal. Comi o meu salgadinho e ajudei a minha filha a comer o outro. Em seguida, minha filha começou a sentir dores na barriga e de cabeça e também comecei a sentir a mesma coisa. Olhei a embalagem e vi que havia vencido no dia 07 de dezembro. Depois comecei a ficar empolada e voltei na loja para questionar, mas a moça do caixa fez deboche da situação”, relatou.

Tatiane disse que os funcionários recolheram os produtos vencidos da prateleira, pegaram as embalagens que estavam com ela e ainda se recusaram a devolvê-las. “Eles pegaram os produtos e colocaram num carrinho e esconderam no depósito, também não devolveram o meu saquinho. A funcionária disse que ‘o que não mata engorda’ e ainda disse pra eu não deixar minha filha vomitar para não sujar a loja”.

Indignada, a mulher acionou a Polícia Militar e registrou a ocorrência. Mãe e filha procuraram a UPA e foram medicadas por intoxicação alimentar. Além dos sintomas de dores de cabeça, de barriga, diarreia e empolamento, elas também tiveram vômitos.

A Vigilância Sanitária foi à loja nessa segunda-feira (21) e recolheu vários produtos vencidos das prateleiras. Tatiane acompanhou a equipe e disse que os funcionários ainda tentaram negar o episódio. “Eles tentaram mentir dizendo que [o produto] não estava vencido. Mas os fiscais procuraram até acharem os produtos vencidos. Eu e me filha estamos passando mal até agora”, finalizou.

Nesta terça-feira (22), Tatiane e a filha voltaram a procurar atendimento na UPA em razão da persistência dos sintomas de intoxicação alimentar, como mal-estar, enjoo, diarreia e dores de barriga.

A reportagem enviou e-mail solicitando um posicionamento das Lojas Americanas, mas ainda não obteve retorno.  

VÍDEO

Vídeo

 

Braço da criança ficou todo empolado
Vários produtos vencidos foram retirados das prateleiras pela Vigilância Sanitária

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.