Luto

Médica pioneira em Araguaína, Esmeralda Medrado falece ao 72 anos vítima da Covid-19

Ela morava na cidade desde o início da década de 80.

Por AF Notícias 5.315
Comentários (0)

07/08/2020 09h50 - Atualizado há 1 mês
Médica Esmeralda Medrado era esposa do também pioneiro Eduardo Medrado

A médica anestesista Esmeralda Marchesini Medrado, uma das pioneiras no Tocantins, faleceu nesta sexta-feira (7), no Hospital Dom Orione, aos 72 anos de idade, onde estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em razão da Covid-19.

Ela era esposa do também médico Eduardo Novares Medrado, que atuou como secretário de Estado da Saúde e no município de Araguaína. Ele faleceu no dia 20 de junho de 2016. O casal deixa os filhos Eduardo, Fernando, Helena e Sérgio.

Em nota de pesar, o Sindicato dos Médicos no Estado do Tocantins (Simed-TO) disse que a “coragem e dedicação à medicina e aos pacientes são algumas das condições humanas que a fizeram ser tão amada e respeitada em toda a sua vida, desde a formação em Salvador, sua residência em anestesiologia em Goiânia e sua carreira profissional no Tocantins, ao lado do também médico Eduardo Medrado”.

“Sua contribuição pioneira em Araguaína e ao Tocantins e sua atuação como mulher de força exemplar, serão sempre lembradas”, disse o Sindicato.

Formados pela Universidade Federal da Bahia, o casal Eduardo Medrado e Esmeralda decidiu se mudar para Araguaína em dezembro de 1982, ainda antes da criação do Estado do Tocantins. Eles se casaram durante o 6º ano do curso. “Nós fomos numa festa, começamos a dançar e essa dança nós estamos dançando até hoje, 40 e tantos anos”, costumava lembrar o médico.

Antes da mudança para o norte do Tocantins, Medrado deixou a Bahia com a esposa Esmeralda para a residência médica e pós-graduação em Brasília. Ele em cirurgia-geral; ela, em anestesia. Com a descoberta de que eram casados, Esmeralda teve de deixar Brasília e concluir a residência em Goiânia. Encontravam-se de quinze em quinze dias na folga dele na Capital Federal.

NOTA DE PESAR

"É com profunda tristeza que manifesto meu pesar  pelo falecimento da Dra Esmeralda Marchesini Medrado, viúva do ex-secretário estadual da Saúde, Dr Eduardo Medrado,  ocorrido nesta sexta-feira, 7, em Araguaína.

Médica pioneira no Tocantins, deixou uma visão prática da vida e da profissão.

Sua dedicação e excelentes serviços prestados aos tocantinenses ficarão como lembrança para todos, principalmente, no exercício da  ética profissional.

Nesse momento de dor,  rogo a nosso eterno Deus que, por sua graça, console, de alguma forma, os corações dos familiares e de todos que sofrem a perda dessa grande amiga.

Mauro Carlesse | Governador do Estado do Tocantins"

___________________________________

"A OAB-TO, Subseção de Araguaína, lamenta o falecimento da Dra. Esmeralda Marchesini Medrado, mãe do advogado Fernando Marchesini, tia dos advogados Bianka e Lourival Medrado, avó do advogado Aldo Propécio Neto e cunhada da advogada Waldirene Silva.

A Dra. Esmeralda era uma das nossas referências na medicina e deixa um legado de serviços prestados a nossa sociedade Araguainense. Roguemos ao Pai Celestial que conforte familiares e amigos.

Jose Quezado - Presidente"

_____________________________________

"Foi com profundo pesar que a Cooperativa dos Médicos Anestesiologistas do Tocantins (Coopanest-TO) e a Sociedade de Anestesiologia do Estado do Tocantins (SAETO) receberam a notícia do falecimento da médica anestesiologista, Drª Maria Esmeralda Marchesini Novaes Medrado, de 72 anos, vítima da COVID-19.  

Drª Maria Esmeralda trabalhava como anestesiologista nos hospitais Dom Orione e Regional de Araguaína. É portadora do registro 006 no Conselho Regional de Medicina do Tocantins (CRM-TO), pioneira no Estado e uma das fundadoras da Coopanest-TO e da SAETO, além de ter sido vice-presidente da Federação Brasileira das Cooperativas de Anestesiologia (FEBRACAN). Foi presidente da Coopanest-TO por cinco mandatos.  

Pelos colegas, será lembrada pela estruturação de condições de trabalho, remuneração digna e valorização da categoria. Exerceu a anestesiologia com qualidade, dignidade, ética e grandeza. Estimulou o primeiro serviço de residência do Estado em Araguaína, e projetou o Tocantins na anestesia do Brasil.  

Foi casada com o médico Dr. Eduardo Novaes Medrado Santos, ex-secretário de Saúde do Estado do Tocantins que faleceu em 20 de junho de 2016. Baiana de Salvador, a médica Maria Esmeralda acompanhou o marido Eduardo Medrado na mudança de Barreiras-BA, na divisa com o então nordeste goiano, para Araguaína, no norte do Estado, em dezembro de 1982. 

Os colegas das duas entidades expressam ainda suas condolências pela perda aos amigos, familiares e aos filhos Eduardo, Fernando, Helena e Sérgio. 

Dr. Tássio Diogo Pontes 
Presidente da Coopanest-TO"

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.