Escuridão

Mesmo com lâmpadas compradas, escuridão continua a tomar conta das ruas de Darcinópolis

Segundo a denúncia, a falta de iluminação pública ocorre desde o ano passado.

Por Conteúdo AF Notícias
Comentários (0)

13/09/2023 09h24 - Atualizado há 8 meses
Muita escuridão

A falta de iluminação pública se tornou um problema crônico na pequena cidade de Darcinópolis (TO), no Bico do Papagaio. Os moradores já haviam denunciado a situação há cerca de dois meses, mas o descaso continua. O prefeito do município é Jackson Soares Marinho.

Conforme declarado pelo próprio gestor nas redes sociais, as lâmpadas estão compradas, porém, a reposição nunca foi feita, e a cidade continua na escuridão. “A escuridão só aumentou. A gente esperava que com a denúncia o prefeito resolvesse a situação, mas nada mudou, só piorou e a insegurança continua tomado conta dos moradores”, disse um morador.

Segundo a denúncia, a falta de iluminação pública ocorre desde o ano passado. Cansados de esperar pelo poder público, alguns moradores decidiram comprar lâmpadas por conta própria para clarear a frente das casas.

Na época, os moradores disseram que a prefeitura estaria em débito com o dono do caminhão munck que é utilizado para a reposição das lâmpadas. Por isso, a prestação de serviços teria sido suspensa.

Vários órgãos públicos ficam localizados nas ruas que estão na escuridão, a exemplo da própria prefeitura, Secretaria Municipal de Educação; Centro de Referência em Assistência Social (CRAS), e a Câmara de Vereadores.

O problema também afeta a Rua Dom Vital, no trecho que faz divisa entre os bairros Bela Vista e Setor Novo; e as ruas 7 de Setembro, São Félix e Alvorada, todas no centro da cidade.

A reportagem não conseguiu contato com a gestão municipal, mas o espaço continua aberto para esclarecimentos.

Situação na Rua São Félix, centro da cidade

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.