Eleições OAB

Mulheres ocupam 9 dos 11 cargos mais representativos na chapa de Gedeon Pitaluga

Ao todo, chapa OAB Independente tem 38 mulheres.

Por Redação
Comentários (0)

25/10/2021 16h19 - Atualizado há 1 mês
A chapa OAB Independente destaca a importância da advocacia feminina

A chapa OAB Independente, que tem com candidato à reeleição Gideon Pitaluga, destacou o papel da advocacia feminina e o compromisso com a pluralidade de ideias na Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Tocantins.

Para demonstrar a importância das mulheres, a chapa destinou 9 cargos dos 11 mais representativos para as advogadas. “Essa é a consolidação de uma caminhada de fortalecimento da advocacia feminina que estamos construindo desde 2019 dentro da Ordem, reforçando o reconhecimento e o respeito ao trabalho que as mulheres advogadas vêm desenvolvendo pela instituição”, disse Gedeon Pitaluga.

Para o candidato à reeleição, a chapa OAB Independente têm “advogadas qualificadas, competentes e que farão uma OAB mais igualitária pelos próximos três anos”, disse Gedeon, que tem a advogada Priscila Madruga, candidata a vice.

Mulheres no poder

Na chapa são 38 candidatas mulheres, além da direção da Escola Superior de Advocacia (ESA/OAB) e da Ouvidoria-Geral da Ordem. Na diretoria, Priscila Madruga concorre como copresidente, Jandra de Paula como secretária-geral e Alana Carlech como secretária-adjunta.

Na Caixa de Assistência ao Advogado (CAATO/OAB), Tereza Cristina Ibiapina concorre como vice-presidente, Raquel Custódio como tesoureira da CAATO e Aline Fonseca como diretora adjunta da CAATO. Ana Laura Coutinho, Hélia Nara Parente Santos Jacome e Eunice Ferreira de Sousa Kuhn, como conselheiras federais, Janay Garcia como ouvidora-geral e Flávia Malachias Santos Schadong, como diretora-geral da ESA/TO.  

A copresidente Priscila Madruga ressaltou a importância da participação feminina. “É imprescindível que nossa representatividade dentro da OAB seja um modelo para que mais mulheres busquem espaços na instituição”, pontuou Priscila Madruga.

Para Jandra de Paula, a busca por uma gestão que valoriza a paridade de gênero sempre foi uma bandeira defendida pelo presidente desde 2019. “Para mim é um orgulho fazer parte dessa chapa com a maioria de mulheres compondo a diretoria. Isso já não era uma surpresa, porque sempre foi um pré-requisito do Gedeon. Ele sempre fez questão de nos apoiar. No Gedeon a gente tem um companheiro, um amigo e um entusiasta da advocacia feminina”, ressaltou a candidata a secretária-geral.

Candidata à vice-presidência da CAATO, Tereza Ibiapina reforça a identidade da gestão OAB Independente na busca pela diversidade e representatividade na condução da Ordem.

“Eu sinto um orgulho enorme dessa diretoria, de fazer parte Caixa de Assistência dos Advogados como candidata a vice-presidente. Hoje a gente pode dizer que realmente a OAB é da advocacia, com respeito à paridade”, afirma Tereza Ibiapina.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.