10 a 13 de fevereiro

Pela 2ª vez, Palmas recebe o maior congresso espírita do Brasil; bairros terão atividades voluntárias

São esperadas caravanas de diversas regiões brasileiras e outros países.

Por Redação
Comentários (0)

08/02/2024 15h50 - Atualizado há 2 semanas
A Concafras é realizada há 68 anos

Palmas receberá, entre os dias 10 e 13 de fevereiro de 2024, pela segunda vez, a Confraternização das Campanhas de Fraternidade Auta de Souza e Promoção Social Espírita (Concafras-PSE), que chega a sua 68ª edição.

O evento é um encontro anual que reúne participantes espíritas ou simpatizantes, de diversas partes do Brasil e de outros países, na realização de atividades voluntárias e estudos do Evangelho de Jesus. 

Realizada há 68 anos, ininterruptamente, a Concafras não tem sede definitiva. Trata-se de uma caravana de amor e fraternidade, constituindo-se de um movimento de caravaneiros, integrando o Movimento Espírita, sem vínculo com órgãos ou instituições públicas. Sua presidência alterna-se anualmente, conforme a instituição espírita e cidade que a patrocine. 

O evento ocorre de forma presencial e online e é realizado simultaneamente, este ano, nas cidades de Palmas (TO) e Paracatu (MG), assim como em 2012, quando as duas cidades também sediaram o conclave. 

"A expectativa é de que um grande público de todos os cantos do mundo se reúna em Palmas para estudos doutrinários do Espiritismo entre outros debates e temas que serão desenvolvidos na cidade, levando os ensinamentos de Jesus aos lares visitados e arrecadando donativos para famílias carentes", conforme destacou o presidente da comissão central da Concafras em Palmas, Neiber Garcia. 

O encontro ocorre no Instituto Federal do Tocantins (IFTO), e as atividades voluntárias e as campanhas serão realizadas em bairros como o Setor Morada do Sol I, Jardim Aureny III, Capadócia no Setor Taquari, Parque Cesamar, Praia da Graciosa, entre outros.   

Programação 

Durante os quatro dias de evento, a programação conta com cursos teóricos e práticos, estudos e debates, com atividades para crianças, jovens e adultos. Paralelamente, é realizada a Concafrinhas, dedicada às crianças, que partilham da mesma essência do evento. 

A programação tem início no sábado, às 20h30, com a abertura oficial do evento. Durante todo o dia, caravanas de diversos estados, de todas as regiões do Brasil e de outros países, serão recepcionadas. 

No domingo (12), iniciam-se os estudos espíritas. Durante a manhã, todos os cerca de 1.300 caravaneiros esperados sairão, para diversas regiões de Palmas, para realizarem a Campanha de Fraternidade Auta de Souza, que consiste em levar mensagens de consolo e esclarecimento de lar em lar e também arrecadar donativos, de qualquer espécie, que serão doados a famílias em situação de vulnerabilidade social.

Já na segunda-feira (13), a programação ocorre das 8h às 22h, com cursos específicos e atividades nas ruas e praças, que consistem em campanhas como a Campanha Camilo Castelo Branco de Prevenção ao Suicídio, a Campanha Madre Teresa de Calcutá de Prevenção ao Aborto, entre outras.

O último dia de evento ocorre na terça-feira, quando os caravaneiros participam do último ciclo de estudos, com temas livres durante a manhã e participam do encerramento às 12h. 

Como surgiu a Concafras 

A Concafras nasceu da Campanha de Fraternidade Auta de Souza, que existe desde 1953, que é uma campanha de rua que distribui mensagens espíritas de lar em lar e arrecada doações para famílias carentes. 

Em 1957, o fundador dessa Campanha, Nympho de Paula Corrêa, organizou uma reunião com grupos que realizavam ou tinham interesse em começar a realizar a ação. Aí nascia, de forma muito simples, a Concafras, que é a Confraternização das Campanhas de Fraternidade Auta de Souza.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF Notícias. Todos os direitos reservados.