PRISÃO

Vereador é preso por descumprir medidas cautelares da Justiça e alega ser vítima de perseguição

Ele responde a processo por direção perigosa, embriaguez ao volante e disparo de arma em local público.

Por Eduardo Azevedo 1.060
Comentários (0)

01/12/2023 10h51 - Atualizado há 2 meses
Breno foi encaminhado para uma unidade prisional, onde permanece à disposição da Justi

O vereador e vice-presidente da Câmara de Pedro Afonso, Breno Alves (PDT), foi detido pela Polícia Militar na noite desta quinta-feira, 30 de novembro, devido ao descumprimento de medidas estabelecidas pelo Poder Judiciário. As informações foram confirmadas em nota pela Secretaria da Segurança Pública (SSP-TO).

As medidas descumpridas, conforme a SSP, foram impostas em razão de delitos anteriores, como direção perigosa, embriaguez ao volante e disparo de arma de fogo em local público, caso ocorrido em outubro de 2021.

Conforme relato dos policiais, o parlamentar estava em um bar da cidade, em flagrante descumprimento das medidas, momento em que foi levado para a delegacia. Diante dos fatos, a autoridade policial de plantão representou pela prisão preventiva do parlamentar que vinha descumprindo essas cautelares reiteradamente. O pedido foi deferido pelo Poder Judiciário e o parlamentar foi encaminhado para uma unidade prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

Pela decisão, o vereador estava proibido de consumir bebidas alcoólicas, bem como de frequentar locais públicos que vendam ou forneçam tais bebidas.

O que diz o vereador?

Em uma postagem nas redes sociais, Breno divulgou uma 'Nota de Repúdio' afirmando ser vítima de perseguição política. "Apesar das perseguições, nunca quis expor em redes sociais, mas hoje chegou ao extremo", disse. 

"Em face dos acontecimentos recentes, soman-se contra mim a perseguição política, com claro abuso de autoridade. Porém, não irei baixar a cabeça, muito menos recuar, pelo contrário, agora que vou pra cima mesmo e com mais ânimo e força de vontade, pois além de fazer valer meus direitos, farei a defesa de todos os cidadãos. Portanto, peço a todos pedroafonsinos que assistam a sessão de segunda-feira (04) da Câmara de Pedro Afonso, pois minha resposta será em Plenário", conclui a nota.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF Notícias. Todos os direitos reservados.