Tire suas dúvidas

11 dúvidas frequentes sobre o pagamento do IPVA 2019 no Tocantins: o que mudou?

A partir deste ano, o contribuinte tem três opções de pagamento do imposto.

Por Redação 826
Comentários (0)

11/01/2019 10h36 - Atualizado há 1 semana
Contribuinte deve ficar atento ao novo sistema para pagamento do IPVA 2019

A partir deste ano, o Governo do Tocantins adotou uma nova forma para o pagamento do IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor). A medida adotada pelo Executivo estadual visa facilitar o pagamento para o cidadão.

Em um exemplo hipotético, uma pessoa que possui um veículo com IPVA no valor de R$ 2 mil reais, poderá optar pelo pagamento à vista, com 10% de desconto, até o próximo dia 15 de janeiro. Neste caso, ela pagará o valor de R$ 1.800, economizando R$ 200.

Caso o proprietário desse veículo não tenha condições de pagar o valor à vista, ele poderá optar por solicitar o parcelamento do IPVA. Dessa forma, poderá dividir o valor do imposto em até 10 vezes, porém perderá o benefício do desconto de 10%.

Cabe lembrar, que neste novo formato o contribuinte pode fazer um parcelamento alternativo ao oferecido pelo Governo. Basta que para isso ele guarde todos os meses, até o dia 15 de outubro, uma quantia fixa para o pagamento total do seu boleto. Por exemplo, para um IPVA no valor de R$ 600, o contribuinte pode, a partir de janeiro, guardar R$ 60 todo mês em um cofre ou poupança. Ao final terá juntado R$ 600 reais para fazer o pagamento.

Há ainda a possibilidade do proprietário do veículo resolver pagar o valor de R$ 2 mil em parcela única, sem desconto. Neste caso, ele possuirá até o dia 15 de outubro para efetuar o pagamento.

Confira abaixo 11 dúvidas frequentes sobre o IPVA 2019.

1 – O que mudou no pagamento do IPVA 2019?

O pagamento do IPVA, exercício 2019, mudou para todas as placas. Agora, são três opções de pagamento: com desconto de 10% para quitação à vista até 15 de janeiro de 2019; parcelado em 10 vezes (parcela mínima de R$ 200/mês), com a primeira parcela paga também dia 15 de janeiro de 2019, ou sem desconto, com pagamento feito até 15 de outubro de 2019. Os donos de veículos devem ficar atentos, pois a nova forma de pagamento alcança todos os veículos, independente do final da placa.

2 – Minha parcela mensal é inferior a R$ 200 reais, como devo proceder para fazer o parcelamento?

No caso de parcelamento, o número de parcelas depende do valor do IPVA, ou seja, 10 vezes somente para valores iguais ou superiores a R$ 2.000,00, pois a parcela deve ser igual ou superior a R$ 200,00.

O parcelamento é feito automaticamente pelo sistema. O valor do IPVA será parcelado no maior número possível dentro das regras. A última parcela sempre será em 15 de outubro.

Um contribuinte cujo imposto é, por exemplo, R$ 864,00, serão quatro parcelas de R$ 216,00, sendo o primeiro vencimento em  15 de julho e o último 15 de outubro.

3 – Como devo proceder para imprimir o boleto do IPVA?

O boleto para pagamento do IPVA 2019 deve ser impresso no site da Secretaria de Estado da Fazenda e Planejamento (Sefaz):www.sefaz2.to.gov.br/ipva.

Para emitir o boleto é preciso informar o número de Renavam, placa do veículo e CPF do proprietário. Após inserir os dados, o sistema oferece o documento com as opções de pagamento.

4 – Quais boletos são necessários pagar para pegar meu documento?

Além do IPVA, o contribuinte também deve emitir para pagamento os boletos do Licenciamento 2019 e do Seguro DPVAT, que podem ser impressos, por meio de link nos sites www.sefaz2.to.gov.br/ipvawww.detran.to.gov.br; ou nos balcões de atendimento do Detran e  Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans) no interior do Tocantins.

5 – É possível parcelar o Licenciamento e/ou o Seguro DPVAT? Pagando até o dia 15 de janeiro, eles também têm desconto?

Não, tanto o Licenciamento anual quanto o Seguro DPVAT devem ser pagos em parcela única, sem desconto, até o dia 15 de outubro. É preciso lembrar que o documento CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo ou DUAL) somente é liberado para impressão no sistema do Detran em até 24 horas que todos os boletos (IPVA, Licenciamento e Seguro DPVAT) tenham sido quitados no banco ou agente financeiro credenciado.

6 – Até quando o meu documento de licenciamento do IPVA 2018 tem validade?

Os contribuintes tocantinenses que estão com o IPVA 2018 pago ficarão com o veículo em dia até 15 de outubro deste ano, independentemente do final da numeração da placa.

7 – Quais são as agências bancárias credenciadas para quitar os boletos?

Após emitir o boleto, o proprietário poderá pagar em qualquer banco conveniado ou seus correspondentes bancários. São eles: Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bancoob, Itaú, Banco da Amazônia e Bradesco.

8 – Após feito todos os pagamentos, o Detran envia o CRLV para o meu endereço?

Não, o Detran Tocantins não envia o CRLV para o endereço do contribuinte. Para emitir o documento é necessário procurar o atendimento da sede do órgão, em Palmas, ou nas Ciretrans no interior do estado.

9 – Comprei um carro novo este ano, tenho que pagar IPVA?

A princípio sim, mas para obter a isenção é necessário cumprir algumas condições. O veículo novo deve ter sido adquirido em concessionárias estabelecidas no Tocantins, ou ser adquirido direto da montadora em observância ao que estabelece o Convênio 51/2000 (compra direta da indústria ao consumidor final).

10 – O que devo fazer em caso de pagamento em duplicidade do IPVA?

O contribuinte tem direito à restituição de valores de IPVA pagos em duplicidade, mediante solicitação e apresentação de documentos comprobatórios. O requerimento será feito em formulário próprio disponível no site da Secretaria de Estado da Fazenda e Planejamento (Sefaz), devendo o interessado anexar os documentos seguintes: cópia do documento do veículo, do pagamento do IPVA, da identidade e CPF do requerente, comprovante de conta bancária, se for empresa contrato social, se for veículo zero Nota fiscal de aquisição.

11 – Ainda tenho dúvidas, como devo proceder para saná-las?

O cidadão pode entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Contribuinte, por meio do telefone 0800-631144. É possível também procurar presencialmente as agências de atendimento ao público da Sefaz ou do Detran Tocantins.

Comentários (0)

Mais Notícias

Concurso público

DPE pede que Justiça obrigue Governo a nomear 356 aprovados da Defesa Social

Além de não convocar os aprovados, o Governo contratou 260 servidores para exercer as mesmas funções.

Fake news

Boato sobre morte de delegado de Araguaína causa confusão nas redes sociais

A informação repercutiu e até uma nota foi divulgada pelo Sindepol-TO.

Monte Fitz Roy

Escaladores brasileiros desaparecem na Patagônia e mau tempo atrapalha buscas

As buscas, neste momento, segundo ele, permanecem suspensas em razão do mau tempo.

2019-2021

Gedeon Pitaluga toma posse na OAB Tocantins focado na valorização da advocacia

Ele é o presidente mais jovem a assumir o comando da Seccional Tocantins.

Promoções

Governo do Tocantins promove 38 militares e nomeia mais servidores públicos

Os militares foram promovidos para as patentes de 1º e 2º tenente, coronel e major.

Fluxo de passageiros

Mais de 673 mil viajantes passaram pelo Aeroporto de Palmas em 2018, alta de 3%

O grande potencial turístico do Estado e divulgação de suas belezas naturais contribuíram.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.