Tocantins

Acadêmicos concluem curso de graduação, mas centro universitário não emite diploma

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

13/10/2017 09h15 - Atualizado há 2 meses
Cerca de 30 ex-acadêmicos do curso licenciatura em Pedagogia do Centro Universitário Uninter, em Gurupi, sul do Tocantins, estão tendo dificuldades para receber o diploma de conclusão do curso. Um grupo de estudantes já procurou a Defensoria Pública do Estado (DPE) para resolver a situação e uma ação será impetrada na justiça. O objetivo é obrigar o centro universitário a conceder o devido diploma aos estudantes que cursaram integralmente o curso, que foi concluído ainda em dezembro de 2016. Conforme a DPE, muitos dos ex-universitários já estão no mercado de trabalho na área para o qual estudaram, mas ainda não receberam o diploma, documento imprescindível na vida profissional de qualquer pessoa que conclui um ensino superior. Na DPE, os ex-alunos foram recebidos pelo coordenador do Núcleo Aplicado das Minorias e Ações Coletivas (NUAmac) de Gurupi, o defensor Leandro de Oliveira Gundim. "O direito ao diploma é incontroverso, pois as matérias foram cursadas, o trabalho de conclusão do curso foi entregue, sendo obtidas as notas necessárias para aprovação, bem como o curso está devidamente pago. Entretanto, a empresa vem tolhendo o direito das alunas, tal prática vai de encontro ao Código de Defesa do Consumidor, que dispõe que o serviço deverá prestado de forma adequada e eficaz", disse Gundim. De acordo com a Defensoria, os ex-acadêmicos necessitam do diploma para que possam permanecer em suas funções.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.