Divisa com Tocantins

Advogados estão em greve pelo 2º dia por falta de juízes em município com 50 mil habitantes

Segundo os advogados, a Comarca possui atualmente mais de 7 mil processos em tramitação.  

Por Redação 805
Comentários (0)

27/08/2019 16h18 - Atualizado há 1 ano
Advogados fazem manifesto para cobrar juízes em Comarca

Dezenas de advogados e advogadas estão de braços cruzados pelo segundo dia consecutivo em protesto contra a falta de juízes na Comarca de Conceição do Araguaia, município paraense que fica na divisa com o Estado do Tocantins.

A cidade possui quase 50 mil habitantes, segundo dados do IBGE, e a Comarca atende também a população de várias cidades vizinhas. Porém, há um único juiz para despachar os processos nas duas varas cíveis, no Juizado Especial e ainda na Justiça Eleitoral.

Segundo os advogados, a Comarca possui atualmente mais de 7 mil processos em tramitação.  

Nesta terça-feira (27), os advogados exibiram faixas com reinvindicações e até um pedido de socorro. Segundo eles, o Tribunal de Justiça do Pará sempre tratou com descaso as comarcas localizadas na região sul do Estado que sofrem com a falta de servidores, principalmente de juízes e oficiais de justiça.

Além desse problema, a cidade está há mais de dois anos sem nenhum defensor público.

Os advogados reivindicam a designação de juízes titulares, criação de novas varas nas áreas criminal e da Fazenda Pública, implantação do sistema eletrônico PJe, qualificação dos servidores e retirada dos que são contratados pela prefeitura que estão atualmente nos gabinetes dos magistrados.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.