Defesa Social do Tocantins

Candidatos preparam manifestações em prol da retomada de concurso

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

06/04/2016 15h11 - Atualizado há 2 anos
A Comissão dos Aprovados do Concurso da Secretaria de Cidadania e Justiça do Tocantins, antiga Defesa e Proteção Social, convocou todos os candidatos para uma série de manifestações, previstas para ocorrer nesse mês de abril, em prol da retomada do certame que está paralisado desde o ano passado. Dentre as atividades estão previstas manifestação com acampamento em Palmas, entre os dias 25 ao dia 29 de abril; denúncia ao Conselho Nacional do Ministério Público e notificação à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-TO). Segundo a Comissão, as manifestações vão ocorrer devido a "morosidade" do poder público na finalização do concurso. “Os candidatos, através da Comissão, tem lutado dia e noite para a continuidade do certame, através do curso de formação profissional, nomeação e posse”, diz. As provas do concurso foram aplicadas ainda em dezembro de 2014 e desde então os aprovados aguardam a segunda fase do concurso, que é o curso de formação. Mais de 42 mil candidatos concorreram às 1.292 vagas oferecidas, distribuídas em 19 cargos. A empresa responsável pelo certame chegou a publicar uma lista com os nomes dos aprovados. No dia 23 de fevereiro, a Defensoria Pública do Estado do Tocantins recomendou à Secretaria da Cidadania e Justiça que, no prazo de 15 dias, divulgasse o cronograma de retomada do concurso, o que não ocorreu.  

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.