Saúde

Conselho de Saúde aprova novo Opera Tocantins 2020 com meta de realizar 6.000 cirurgias eletivas

Projeto irá priorizar as especialidades de maior demanda e com maior tempo de espera.

Por Redação
Comentários (0)

14/02/2020 14h19 - Atualizado há 6 dias
Cirurgia sendo realizada

O Conselho Estadual de Saúde do Tocantins (CES/TO) aprovou por unanimidade o projeto do 'Opera TO 2020', que contemplará a realização de seis mil cirurgias eletivas no Estado, durante reunião nesta quinta-feira (13).

Em 2019, o Estado fechou o ano com 5.830 cirurgias eletivas realizadas, superando a meta de 5.171 cirurgias estipuladas para o ano passado.

O projeto irá priorizar as especialidades de maior demanda e com maior tempo de espera, sendo elas: ortopedia, cirurgia geral, urologia, ginecologia, cirurgia pediátrica, vascular, oftalmologia e cirurgia torácica.

Nos hospitais estaduais será aplicada a premiação do PAGH Cirúrgico, que garante a realização das cirurgias em diversas Unidades Hospitalares do Tocantins, sempre em horários diferenciados, fora da carga horária ordinária, como sábados, domingos, feriados, dias de ponto facultativo ou em período noturno/madrugada.

Segundo o secretário de Estado da Saúde, Edgar Tollini, a intenção do Governo é ampliar o acesso aos procedimentos cirúrgicos eletivos no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), reduzir a demanda reprimida de cirurgias eletivas, otimizar a capacidade instalada dos hospitais e principalmente reduzir o tempo de espera por cirurgias eletivas.

“Fila sempre teremos, pois a demanda por avaliações e consultas especializadas continuará. A meta é atender este público no menor tempo possível”, disse Tollini.

Além do programa ‘Opera Tocantins’, os procedimentos realizados durante a rotina regular dos hospitais terão seus custos compensados por meio do FAEC (Fundo de Ações Estratégicas e Compensação), conforme critérios definidos pelo Ministério da Saúde, contemplados na Portaria MS Nº 3.932/2019.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.