Ex-botafoguense

Ex-jogador Jobson é transferido de prisão no Tocantins após ameaças de presos

Por Redação AF
Comentários (0)

28/02/2018 10h11 - Atualizado há 1 semana
A Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça do Tocantins (Seciju) informou nesta terça-feira (27) que o ex-jogador Jobson foi transferido e, agora, está preso na cidade de Paranã. A mudança foi um pedido de seu advogado, Josenildo Ferreira da Silva, após ameaças ao ex-botafoguense na cadeia em Colmeia. Procurada pela reportagem, a Seciju comunicou que Jobson "deixou a Cadeia Pública de Colmeia, região centro-norte do Tocantins, distante 266km da capital Palmas, e agora está custodiado na Cadeia Pública de Paranã, na região sul do Estado, distante cerca de 350km da capital". A defesa de Jobson havia entrado com o pedido de transferência na semana passada. Josenildo explicou que o ex-atacante vinha sofrendo ameaças de outros presos, que estariam tentando extorqui-lo semanalmente. A requisição foi atendida pelo Poder Judiciário do Estado e a transferência aconteceu pela manhã nesta terça. Jobson está preso provisoriamente sob acusação de estupro de vulnerável. O processo foi instaurado no Pará em 2016, mas enviado para o Tocantins. Em junho daquele ano, o ex-atacante foi preso sob a acusação de ter entorpecido e mantido relações com garotas menores de idade. Em setembro de 2016, Jobson foi liberado mediante o pagamento de fiança, mas descumpriu pelo menos duas das medidas impostas pela Justiça na época e retornou à cadeia em junho do ano seguinte. Em agosto de 2017, foi novamente solto, sob monitoramento de uma tornozeleira eletrônica, mas deixou a área estabelecida em diversas oportunidades e, por isso, foi novamente detido já em setembro. (Estadão)

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.