APAA

'Grande vitória para a causa animal', diz associação após porteiro de hospital ser indiciado

O filhote foi adotado e recebeu o nome de Bob.

Por Conteúdo AF Notícias
Comentários (0)

03/12/2020 10h01 - Atualizado há 1 mês
Porteiro suspeito de agredir o filhote de cão

A Associação Protetora dos Animais de Araguaína (APAA) classificou como “vitória” o indiciamento do porteiro suspeito de agredir um filhote de cachorro com um cassetete em Araguaína nesta terça-feira (2).

A manifestação da associação foi feita através das redes sociais. “Em pequenos passos a justiça pela vida animal é feita, uma grande vitória para a causa animal de Araguaína e região!”, escreveu.

A suposta agressão ocorreu no dia 10 de outubro deste ano em frente ao Hospital Dom Orione, que pertence à rede privada.

Uma integrante da APAA estava no local no momento da ação do porteiro. Na ocasião, ela pegou o animal nos braços e o levou para prestar cuidados médicos.

O suspeito da agressão tem 37 anos e foi indiciado nesta quarta-feira (2) pelo crime de maus-tratos contra animal. A pena prevista varia de 2 a 5 anos de reclusão e multa.

O animal foi adotado pela policial civil Nilza Nascimento e recebeu o nome de Bob.

Vídeo da ação do porteiro 

Vídeo

Veja mais

+ Porteiro de hospital é indiciado por agressão a filhote de cão; pena pode chegar a 5 anos

Publicação da associação

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.