Aragominas

Homem que matou candidato a vereador é encontrado morto com oito tiros no norte do Tocantins

O candidato morto foi Dionny de Lima Alves. Crime ocorreu em 2016.

Por Redação 5.412
Comentários (0)

04/02/2020 09h52 - Atualizado há 7 meses
Ele estava em liberdade há alguns meses

O homem que matou o administrador e comerciante Dionny de Lima Alves, em Aragominas, norte do Tocantins, em 2016, foi encontrado morto na zona rural do município na noite desta segunda-feira (03).

Na época do crime, Dionny era candidato a vereador e foi assassinado com três tiros no centro da cidade sem nenhum motivo. O autor, identificado como Nelson Ferreira Lima, de 52 anos, chegou a ser preso, mas foi diagnosticado com esquizofrenia e o juiz determinou sua internação em hospital. Porém, recentemente ele estava em liberdade sob a responsabilidade do irmão.  

Segundo a Polícia Militar, o corpo de Nelson estava caído ao lado de uma motocicleta na TO-222, distante cerca de 10 km da cidade, e tinha 8 marcas de tiros.

O serviço de saúde constatou o óbito e o corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal e encaminhado para Araguaína.

+ TO-222 ganha três nomes diferentes entre Filadélfia e Pontão: ex-prefeito, farmacêutico e político

Dionny de Lima era farmacêutico e candidato a vereador
Corpo caído ao lado da motocicleta

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.