Benefício estendido

Kátia Abreu defende prorrogação do auxílio emergencial até dezembro no valor de R$ 600

Projeto da senadora garante o valor de R$ 600 até dezembro.

Por Redação
Comentários (0)

20/08/2020 17h35 - Atualizado há 4 meses
Senadora Kátia Abreu

A Caixa Econômica Federal paga nesta quinta-feira (20) a quinta parcela do auxílio emergencial para 1,9 milhões de beneficiários do Bolsa Família, mas, quem recebe ainda não sabe qual será o futuro do benefício.

Enquanto isso, projeto de lei (PL 2593/2020) da senadora Kátia Abreu (PP-TO), protocolado em maio, aguarda por apreciação dos senadores para prorrogar até dezembro o benefícios e dar uma luz aos milhões de brasileiros que foram atingidos pela pandemia e estão sem renda.

Neste grave momento de crise, o papel do Congresso Nacional e do governo é acudir quem mais precisa. O auxílio emergencial, que começou com uma proposta de R$ 200 pelo Executivo, foi melhorado pelos deputados e senadores até chegarmos a um valor mais justo e atendermos mais pessoas", defendeu Kátia Abreu.

Ao todo, há 13 propostas para ampliar o benefício aguardando análise no Congresso. Já o Governo Federal tem feito análises sobre prorrogação do auxílio, mas nada foi apresentado oficialmente.

O presidente Jair Bolsonaro falou publicamente sobre a necessidade de continuar com o benefício, mas em valores menores. Na proposta apresentada por Kátia Abreu, os beneficiários continuariam recebendo o auxílio de R$ 600 até dezembro, fechando assim todo o ano de 2020.

Até o momento, o governo já destinou R$ 254,4 bilhões para o pagamento do auxílio emergencial, num total de cinco parcelas, entre abril e agosto.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.