Maioria dos membros do diretório do PMDB renuncia aos cargos; Coimbra estaria articulando com o governo

Por Redação AF
Comentários (0)

07/11/2012 17h35 - Atualizado há 1 mês
<div style="text-align: justify; "> <span style="font-size:14px;">Mais da metade do diret&oacute;rio do PMDB no Tocantins renunciou ao cargo nesta quarta-feira, 7. O motivo das desist&ecirc;ncias seria porque o presidente do diret&oacute;rio estadual, J&uacute;nior Coimbra (PMDB), estaria articulando uma composi&ccedil;&atilde;o com o governo do Estado para as elei&ccedil;&otilde;es de 2014. As informa&ccedil;&otilde;es foram confirmadas pelo ex-governador Carlos Gaguim (PMDB) que tamb&eacute;m assinou o pedido de ren&uacute;ncia, entregue ao presidente nacional do PMDB, Valdir Raupp, na manh&atilde; desta quarta.<br /> <br /> Nas elei&ccedil;&otilde;es municipais deste ano, O PMDB, presidido por Coimbra, comp&ocirc;s com o governo do Estado nas tr&ecirc;s principais cidades do Tocantins: em Palmas, apoiando Marcelo Lelis (PV); em Aragua&iacute;na, apoiando Ronaldo Dimas (PR); e em Gurupi, apoiando Laurez Moreira (PSB). &quot;O J&uacute;nior Coimbra estava compondo com o Eduardo Siqueira Campos para ser o vice dele na elei&ccedil;&otilde;es de 2014, e n&oacute;s n&atilde;o aceitamos&quot;, afirma Gaguim.<br /> <br /> Assinaram o documento pedindo a ren&uacute;ncia os tr&ecirc;s ex-governadores do partido, Marcelo Miranda, Carlos Gaguim e Mois&eacute;s Avelino, os membros Eudoro Pedrosa, Jo&atilde;o Leite, Derval de Paiva, Lomar Quintanilha, Igor Avelino, Oswaldo Reis, a deputada estadual Josi Nunes al&eacute;m de outros nomes do diret&oacute;rio da sigla. Gaguim ainda afirmou que tem mais integrantes que assinar&atilde;o a ren&uacute;ncia.<br /> <br /> Conforme o ex-governador, houve uma reuni&atilde;o na manh&atilde; desta quarta com o vice-presidente Michel Temer (PMDB) para falar cobre o assunto e nessa reuni&atilde;o foi entregue o documento ao presidente do partido. &ldquo;Vamos ter outra reuni&atilde;o com o Michel Temer hoje para falar mais sobre o assunto&rdquo;, disse.<br /> <br /> Segundo Gaguim, com a ren&uacute;ncia de mais da metade do membros do diret&oacute;rio, esse diret&oacute;rio estaria dissolvido. &ldquo;Agora a presid&ecirc;ncia deve nomear uma comiss&atilde;o provis&oacute;ria no Estado&rdquo;, disse. (Alesandra Souza - Portal CT)</span></div>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Mais Notícias

De Figueirópolis

Professor do Tocantins vence prêmio nacional com projeto sobre esportes

O objetivo do prêmio é reconhecer o trabalho dos professores que contribuem para a qualidade da educação básica.

Investigação

PF prende médico no Tocantins em operação que investiga corrupção na Saúde

Mandados também estão sendo cumpridos em São Luís (MA), Imperatriz (MA), Parauapebas (PA), Brasília (DF) e Goiânia (GO).

Estado

Bunge Açúcar e Bioenergia abre vagas para jovens engenheiros no Tocantins

As inscrições vão até o dia 9 de novembro.

Nesta quinta, 18

Vagas de emprego para manicure, mecânico, porteiro, zelador e vendedor

As vagas são para todos os níveis de escolaridade e estão distribuídas em nove cidades do Estado.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.