Estreia em 2019

Netflix grava série 'O Escolhido' em Porto Nacional e Natividade no Tocantins

As filmagens em Porto Nacional serão feitas no Centro Histórico, na zona rural e no Rio Tocantins.

Por Redação 2.559
Comentários (0)

11/09/2018 15h15 - Atualizado há 2 meses
Série brasileira da Netflix

A Netflix gravará cenas da série 'O Escolhido' em Porto Nacional, na região central do Tocantins, do dia 22 de setembro ao dia 7 de outubro deste ano.

As filmagens são da primeira temporada da nova série brasileira do serviço de streaming mais popular do mundo. A série também terá imagens gravadas em Natividade.

Em Porto Nacional, as filmagens serão feitas no Centro Histórico, na zona rural e no Rio Tocantins. A prefeitura espera que cerca de R$ 3 milhões sejam injetados na economia do município com as gravações.

A equipe de direção da série esteve reunida na manhã desta terça-feira (11), no Museu Histórico de Porto Nacional com representantes do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar e da Prefeitura.

No encontro, a equipe da série apresentou o projeto e organizou detalhes da logística. De acordo com o planejamento, moradores das cidades serão contratados como figurantes. Também está prevista uma ação social em escolas que tenham crianças participantes das gravações.

‘O Escolhido’ já tem a segunda temporada garantida. Por isso, a equipe voltará a filmar em Porto Nacional entre fevereiro e abril de 2019.  

Além de beneficiar o turismo com a visibilidade internacional, ‘O Escolhido’ vai aquecer a economia do Município. Aproximadamente 100 pessoas vão para a cidade integrar a equipe.

O prefeito Joaquim Maia afirmou que a prefeitura dará o apoio necessário para as gravações. “É uma alegria receber essas produções cinematográficas”, afirmou.

Série

A trama é inspirada na série mexicana Niño Santo, criada e escrita por Pedro Peirano e Mauricio Katz, e promete confrontar a força da fé sobre a ciência, além de trazer muito suspense.

‘O Escolhido’ é uma série original brasileira e deve estrear somente em 2019. A trama conta a história de três jovens médicos que são enviados a um vilarejo no Pantanal para vacinar os moradores contra uma nova mutação do vírus da Zika. Mas a população recusa o tratamento e os três acabam ficando presos em uma comunidade isolada e repleta de segredos.

Devotos a um líder enigmático, os residentes acreditam que a entidade é capaz de curar qualquer doença sem o uso da medicina. A disputa leva a um conflito entre fé e ciência, que sem querer (ou não) acaba conversando com o problemático movimento antivacina que vem crescendo nos últimos anos.

(Ascom Porto)

Vista aérea de Porto Nacional

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.