Tristeza

Nova mortandade de milhares de peixes é registrada no rio Lontra em Araguaína e revolta moradores

Segundo moradores, as comportas de uma usina ficaram muito tempo fechadas e aumentou a incidência de substâncias tóxicas.

Por Redação 3.036
Comentários (0)

11/09/2019 08h40 - Atualizado há 5 dias
Peixes mortos

Milhares de peixes morreram por causa da poluição que assola o Rio Lontra, em Araguaína, nesta terça-feira (10). Inconformados, moradores gravaram vídeos e cobraram ação dos órgãos de fiscalização.

Ao AF Notícias, a moradora Ilza Bete afirmou que a mortandade ocorreu em razão do fechamento das comportas da Usina Hidrelétrica Corujão, que ocorreu por volta das 10h da manhã e não tinham sido reabertas até a noite.

Como consequência, a água adequada para sobrevivência dos peixes reduziu e aumentou a incidência de substâncias tóxicas. “Acabou o oxigênio da água e não tinha um ser vivo que sobrevivesse a uma situação dessa”, disse.

Nos relatos, moradores também afirmaram que a água estava bastante fétida. “É revoltante, a água está com odor horrível, escura”, afirmou Ilza Bete.

E um dos vídeos, outro morador fala em descaso. “É muito descaso isso aqui. Isso é uma grande covardia. Nossos peixinhos todos morrendo. Isso é justo?”, questionou.

BRK condenada por poluir Rio Lontra

Recentemente, a BRK Ambiental foi condenada por lançar no Rio Lontra efluentes de uma estação de tratamento de esgoto fora dos parâmetros exigidos pela legislação ambiental.

Na sentença, a empresa foi condenada a pagar multa equivalente a 1.200 salários mínimos (cerca de R$ 1.056.000,00), tendo como parâmetro o valor do salário mínimo da época dos fatos, em 2016 (R$ 880,00). A sentença também impõe à empresa a obrigação de custear um programa de despoluição do rio Lontra pelo período mínimo de nove anos.

O que diz a prefeitura

"A Prefeitura de Araguaína informa que está investigando a causa da mortandade dos peixes ocorrida no Rio Lontra na noite desta terça-feira, 10. De imediato, o Município notificará a BRK Ambiental para apresentar as análises de qualidade do esgoto tratado, por meio da Estação de Tratamento de Esgoto Neblina (ETE Neblina), que é lançado no rio. Também irá comunicar ao Ministério Público Estadual (MPE-TO) e ao Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) sobre o fato.

Ressalta ainda que o órgão fiscalizador e licenciador dessa atividade da BRK é o Naturatins e que a fiscalização municipal ambiental está atuando em conjunto ao órgão estadual para garantir a preservação ambiental e a biodiversidade no Município".

Veja os vídeos

Vídeo

 

Vídeo

 

Mais peixes mortos
Arraia morta
Imagens foram tiradas nesta terça, 10

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.