Operação

PF mira servidores suspeitos de usar veículos oficiais em campanha eleitoral no Tocantins

Agentes da Polícia Federal cumpriram vários mandados em Pequizeiro.

Por Redação 741
Comentários (0)

12/11/2020 17h22 - Atualizado há 2 meses
Polícia Federal

A Polícia Federal cumpriu 4 mandados de busca e apreensão no município de Pequizeiro, norte do estado, com o objetivo de coibir diversos crimes eleitorais nesta quinta-feira (12).

O órgão disse que ter sido informado de que servidores públicos municipais estariam utilizando veículos do município para a promoção indevida de campanha eleitoral.

Segundo a PF, os investigados poderão responder pelos crimes de abuso de poder político e econômico, improbidade administrativa e crime contra a administração pública.

A operação foi denominada de ‘Derrapagem’ e ocorreu em cumprimento à decisão judicial da 16ª Zona Eleitoral de Colmeia.

VEJA TAMBÉM

Recentemente, a Polícia Federal cumpriu mandados de busca e apreensão em Pequizeiro para coibir abuso de poder político e econômico, distribuição de cestas básicas, contratos de serviços em valores acima dos praticados no mercado com empresários locais e compra de apoio político, atos que estariam sendo utilizados para influenciar a eleição no município.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.