Qualquer medo é superável

Por Redação AF
Comentários (0)

29/09/2014 08h09 - Atualizado há 2 meses
<u><span style="font-size:14px;">Pedro Cardoso</span></u><br /> <br /> <span style="font-size:14px;">N&atilde;o se refere a nenhum dos candidatos &agrave; Presid&ecirc;ncia da Rep&uacute;blica, como Lula assombrou a atriz Regina Duarte na campanha eleitoral em 2002. Trata-se de meu medo de dirigir, que resolvi enfrent&aacute;-lo para valer aos 52 anos de idade.<br /> <br /> Por mais que as pessoas me questionassem, nunca soube o fato gerador desse medo, como acredito que a maioria n&atilde;o saiba as raz&otilde;es das suas fobias.<br /> <br /> Em regra, dirigir &eacute; algo que se aprende de forma quase autom&aacute;tica. Os jovens e at&eacute; crian&ccedil;as come&ccedil;am com a lavagem do carro do pai, do irm&atilde;o mais velho, de um parente ou at&eacute; do patr&atilde;o.<br /> <br /> As mulheres n&atilde;o passam por esse mesmo processo. Primeiro, porque h&aacute; um certo desinteresse dos pais em ajudar as filhas. J&aacute; para os meninos &eacute; encarado como mais um item de afirma&ccedil;&atilde;o da masculinidade. Logo, logo, com aquele carro, o mach&atilde;o estar&aacute; pegando todas. &Eacute; o que pensa a maioria dos pais. Menina, tamb&eacute;m, n&atilde;o &eacute; companhia do pai no jogo de futebol nem em pescaria.<br /> <br /> H&aacute; uma grada&ccedil;&atilde;o sobre o medo de dirigir. Entrar num carro j&aacute; gera um desconforto mortal. Ao ligar, ent&atilde;o, come&ccedil;a a fase do desespero. N&atilde;o posso falar por todos, mas a maioria que n&atilde;o dirige tem muitas caracter&iacute;sticas e pensamentos semelhantes.<br /> <br /> Meu medo come&ccedil;ava pelo tamanho; se os carros fossem menores... Depois, aquele carro em disparada, freio n&atilde;o funcionando, assim como em cenas de alguns filmes. Quando era jovem n&atilde;o pensava em dirigir porque carro era algo distante de mim. Quando adquiri condi&ccedil;&otilde;es de comprar, adiei por v&aacute;rios anos porque tinha coisas mais importantes. A filha, a faculdade, a casa pr&oacute;pria, s&oacute; para ficar nesses exemplos.<br /> <br /> Quando comprei, foi para a esposa, pois precisaria mais do que eu. Os amigos, em tom de deboche, alertavam-me sobre a possibilidade de minha filha dirigir antes de mim. Dezoito anos passam r&aacute;pido... e aconteceu. E, eu, no depois disso, depois daquilo, e nada.<br /> <br /> V&aacute;rias tentativas de dirigir acompanhadas com pessoas conhecidas, que n&atilde;o recomendo a ningu&eacute;m que tenha medo excessivo. Como &uacute;ltimo recurso, tentei institui&ccedil;&otilde;es especializadas. At&eacute; que, em janeiro de 2013, cumpri a promessa que j&aacute; me fazia h&aacute; mais de 30 anos. Fui &agrave; unidade da cl&iacute;nica Cec&iacute;lia Bellina, na Vila Mariana. Foi exatamente no dia oito de janeiro daquele ano.<br /> <br /> Dia da entrevista, as justificativas de sempre para me isentar de culpa, a aula-teste e, depois de v&aacute;rias etapas e de um ano e nove meses muitas explica&ccedil;&otilde;es pelas falhas, pelas decep&ccedil;&otilde;es, eis que estou dirigindo para o servi&ccedil;o, para a casa de amigos e parentes, enfim, fazendo o que &eacute; preciso com um carro. Ainda t&iacute;mido, inseguro, mas certo de que sempre tive a capacidade de conduzir um carro.<br /> <br /> Um pouco arrependido por n&atilde;o ter enfrentado antes. S&oacute; perdi. Mas orgulhoso por ter superado algo que nunca imaginei pudesse suplantar. E, se sugest&atilde;o servir para alguma coisa, dizer &agrave;s pessoas que enfrentem seus medos o mais cedo poss&iacute;vel e n&atilde;o deixem de fazer nada por algum tipo de fobia.<br /> <br /> Abrir m&atilde;o de fazer alguma coisa pela consci&ecirc;ncia, em respeito a princ&iacute;pios, &eacute; aceit&aacute;vel e compreens&iacute;vel; mas apenas pelo medo, jamais. Como eu, qualquer pessoa tem condi&ccedil;&otilde;es de dirigir e de superar qualquer outro pavor.<br /> <br /> Hoje, minha sensa&ccedil;&atilde;o de realiza&ccedil;&atilde;o &eacute; simplesmente indescrit&iacute;vel.</span>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Mais Notícias

Tocantins

Nove pessoas são infectadas com doença de Chagas após ingerir suco de bacaba

O Tocantins já tinha registrado dois casos da doença em 2018.

Salário de até R$ 3,5 mil

Concurso público oferta 845 vagas em Marabá, a menos de 300 km de Araguaína

As inscrições serão realizadas de 12 de dezembro deste ano a 10 de janeiro de 2019.

Presidente eleito

TSE diploma Bolsonaro como novo presidente da República com mandato até 2022

A cerimônia vai ocorrer a partir das 16 horas, no plenário da Corte. Bolsonaro foi eleito para mandato de 2019 a 2022.

Anatel

Bloqueio de celulares piratas começa hoje no Tocantins e em mais nove Estados

Mensagens foram encaminhadas aos usuários no dia 23 de setembro, 50 dias e 25 dias antes do bloqueio.

Prefeitura doa área

Implantação de indústria de vidros deve gerar 50 empregos diretos em Gurupi

A empresa já tem uma sede em Araguaína e irá expandir os negócios pelo Estado do Tocantins.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.