A pedido da OAB

Seciju revoga portaria que reduzia horário de atendimento de advogados na CPP de Araguaína

Encontro contou com o presidente da OAB-TO, Gedeon Pitaluga.

Por Redação
Comentários (0)

03/03/2020 16h07 - Atualizado há 8 meses
Encontro da OAB e Seciju

Em reunião na Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Tocantins, o Secretário da Cidadania e Justiça do Tocantins, Heber Fidelis, revogou a portaria que reduzia o horário de atendimento da advocacia aos seus clientes na Casa de Prisão Provisória de Araguaína.

O encontro ocorreu nesta segunda-feira (02) e contou com a presença do presidente da OAB-TO, Gedeon Pitaluga.

Essa reunião demonstra uma interlocução qualificada a OAB/TO e as outras instituições governamentais. Além de conseguirmos ter revogada a portaria que reduz o horário de atendimento entre a advocacia e seus clientes em Araguaína, também avançamos no debate sobre a apresentação de um cronograma para conclusão das obras do parlatório na CPPP e sobre o desenvolvimento de uma ferramenta de comunicação direta para resolver possíveis violações de prerrogativas em unidades prisionais”, disse Pitaluga.

O presidente da Subseção da OAB de Araguaína, José Quezado, que participou da reunião por telefone, fez questão de destacar que o diálogo vem construindo pontes importantes para o fortalecimento da advocacia em todo o Estado.

A Subseção da OAB de Araguaína agradece a sensibilidade do diretor da CPP do município e do Secretário de Estado do Tocantins da Cidadania e Justiça de atender o pedido da Subseção de revogar o ofício que diminuía o acesso da advocacia as sextas-feiras, voltando a ser como era durante os últimos anos. Agradecemos também a presidência da OAB/TO que intermediou este assunto em reunião realizada hoje com as autoridades”, destacou Quezado.

O secretário da Cidadania e Justiça do Tocantins, Heber Fidelis, também destacou a importância do diálogo institucional para que todos avancem em suas reivindicações. “Achamos por bem cancelar essa portaria para não prejudicar o trabalho dos advogados”, destacou Fidelis.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.