Infecção respiratória

Tocantins tem caso suspeito de síndrome respiratória causada por família do coronavírus

Mais de 70 casos já foram confirmados no Brasil do novo coronavírus.

Por Redação 4.638
Comentários (0)

12/03/2020 14h40 - Atualizado há 7 meses
Paciente aguarda resultados de exames em Paraíso do Tocantins

Um paciente com suspeita de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) está sendo monitorado na cidade de Paraíso do Tocantins, região central do estado. A informação foi confirmada pela Secretaria Municipal de Saúde, no início da tarde desta quinta-feira (12). 

O caso não está sendo tratado como suspeito do novo coronavírus (Covid-19), mas já foi notificado ao Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) e o paciente está sendo acompanhado e monitorado pela Vigilância Epidemiológica, seguindo os protocolos preconizados pelo Ministério da Saúde.

A Secretaria Municipal de Saúde disse que aguarda os resultados dos exames feitos pelo Laboratório Central do Estado do Tocantins (LACEN). A identidade do paciente está sendo preservada. 

A Síndrome respiratória aguda grave (geralmente abreviada SARS, do inglês Severe Acute Respiratory Syndrome) é uma doença respiratória viral de origem zoonótica causada pelo coronavírus SARS - da mesma família do novo coronavírus.

A doença causa sintomas semelhantes aos da gripe, como febre, dores de cabeça, calafrios e dores musculares. Esse tipo de síndrome pode ser causada pelo vírus da Influenza A.

NOVO CORONAVÍRUS

Coronavírus é o nome de uma grande família de vírus com uma estrutura em formato de coroa, conhecida desde 1960. Eles causam infecções respiratórias e já provocaram outras doenças como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars) e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (Mers). 

MAIS DE 70 CASOS CONFIRMADOS

Os infectados pelo novo coronavírus (Covid-19) no Brasil já somam 73 casos até a manhã desta quinta-feira (12). Dois dos novos casos da doença foram confirmados em Pernambuco, ambos pacientes que estiveram juntos na Itália, segundo informou a Secretaria Estadual de Saúde (SES).

Há 930 casos suspeitos e 947 descartados. São Paulo lidera no número de ocorrências, com 46 do total, seguido pelo Rio de Janeiro, com 15 casos confirmados. 

O Tocantins não tem nenhum caso confirmado da doença.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.